PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO I (BOOKESS.COM)

Página 34 de 37 Anterior  1 ... 18 ... 33, 34, 35, 36, 37  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Seg 20 Fev 2017 - 8:17

05/01/2015
Os passos incertos que já demos em nossas enésimas vidas na matéria ainda continuam a interferir em nossa atual existência. Assim como uma criança, tateando na busca do equilíbrio para nos manter de pé. Embora nosso espírito vislumbre o céu, nosso consciente exterior sempre busca a matéria, e a consequência dela é o “inferno”. Não um local com fogo, diabo etc., mas um local de sofrimento. A matéria nos leva para lá porque não demos bastante atenção ao espírito, que sempre é o sobrevivente da morte. Especialmente na atualidade em que as famílias não dão embasamento espiritual para seus filhos, preferem achar graça das traquinagens de seus rebentos, que, quando donos do seu nariz, se acham no direito de fazer o que bem entendem, especialmente quando apoiados pelo seu grupo de vivência. As maiores atrocidades são válidas, porque nunca lhe deram limites e muito menos princípios. Aí, então, os pais terão que ver a sociedade impor-lhes os limites que não tiveram a coragem ou a capacidade de dar a seus filhos.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Ter 21 Fev 2017 - 8:31

06/01/2015
Os poderes do espírito são ilimitados. O consciente exterior desconhece esses poderes. Temos a prova nas palavras de Jesus, dizendo aos Apóstolos: “Se não fizestes, foi por causa de vossa pouca fé”. Em outra passagem do Evangelho, Jesus disse: “Se tiverdes fé, direis a esta montanha, lança-te daqui para lá e ela o fará”. E em outra passagem, diz também: “E fareis coisas ainda maiores das que eu fiz”. Não precisa prova maior do que essas palavras de Jesus. O único empecilho que nos impossibilita de fazermos as coisas que Jesus fazia se prende apenas ao bitolamento de nosso consciente exterior, que é cego como uma mula de carroça. Somente sabe, conhece e se sente aquilo que conseguiu experienciar através dos cinco sentidos. Nosso consciente exterior dificilmente consegue sobrepujar as suas limitações. Tem dificuldade de aceitar o que foge ao seu conhecimento. No entanto, a única coisa que precisa é crer, crer que se pode, crer que se é capaz, crer que temos o mesmo poder de Deus e crer que somos os criadores de nosso próprio mundo. “EU SOU Deus em ação”.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Qua 22 Fev 2017 - 8:32

07/01/2015
As pedras que encontramos em nosso caminho, com certeza, foram colocadas lá por nós mesmos, somente, quando em outro corpo. Isso não é aceito pelas igrejas cristãs, mas não quer dizer que não seja uma realidade. Aliás, fora a reencarnação, não sei como conseguem explicar a bondade de Deus. Sendo que, a todo instante, surgem situações que provam o contrário. Alguns pequenos exemplos: filhos de mesmos pais, totalmente diferentes um do outro. Seres que nascem com as mais variadas anomalias e doenças. Se a alma ou espírito é criado no momento da concepção, onde estava Deus? Tirando uma soneca, ou foi pescar ou talvez fazendo uma turnê pelas Galáxias? Deus, para ser Deus, não pode dar a um preterindo outro. Não pode favorecer a um com ouro e prata, e, a outro, morrer à míngua. Esse Deus não existe. Portanto, as igrejas cristãs precisam rever seus conceitos e fazer uma melhor interpretação das Escrituras Sagradas, para que possam apresentar um Deus, no mínimo, aceito pela lógica e pela razão.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Qui 23 Fev 2017 - 9:26

08/01/2015
As palavras que proferimos, os gestos e até as expressões que emitimos são a exteriorização de nossos pensamentos. Os pensamentos podem ser, para a maioria das pessoas, segredos guardados a sete chaves, mas muitos há que os captam como se fora a mais clara linguagem proferida. Portanto, o maior poder do universo jamais será totalmente escondido. Pode até ser para os humanos que esqueceram uma das maiores propriedades do espírito, em todas as suas classes e denominações, que é a comunicação pelo pensamento. Pois, essa é a língua falada por Deus e por toda a criação. Essa comunicação é instantânea, não importa a distância. A luz leva um segundo para percorrer trezentos mil quilômetros. Nesse tempo, o pensamento pode dar a volta em nossa galáxia. Além disso, no Astral, um passo além do Físico, os pensamentos criam forma. E as criações humanas, pela sua cegueira e incapacidade de sentir e compreender o pensamento, cria incessantemente cobras e lagartos, que irão, amanhã, puxar-lhe os pés.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sex 24 Fev 2017 - 9:44

09/01/2015
A vida do corpo físico sempre está por um fio. Corre o tempo e nunca teremos a certeza de que estaremos vivos pela manhã. Quantos e quantos humanos perdem a vida no momento em que se consideravam mais vivos do que nunca. A morte sempre está à espreita. Como diz Jesus, “Não sabemos nem o dia e nem a hora”. Um acidente de carro, que pode ter sido causado por outrem, a queda de um raio, o incêndio de uma casa, uma bala perdida, e, assim, poderíamos enumerar enésimas situações que podem causar a interrupção de nossa vida. Quando a morte é causada por vontade própria, ela é a própria insanidade, pois é um atentado contra a vida e a vida é sempre sagrada. Ninguém tem o direito de abreviar a vida de quem quer que seja. Quando a morte tem como causa fortuita, ela chega no momento certo, porque já estava programada, e, de uma ou outra forma ela chegaria. A morte nada mais é do que a porta que nos leva para o outro cômodo da existência, embora, sem o corpo físico. No mais, tudo continua como antes. Ninguém vira santo ou demônio só porque o corpo morreu.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sab 25 Fev 2017 - 9:19

10/01/2015
A cada dia, uma aparente morte, A cada noite uma aparente ressurreição. É mais ou menos isso que sente o espírito, encarnado em seu estágio na matéria. Durante o dia, sua memória é embotada pelo Véu de Maya, para que não possa identificar sua identidade espiritual, e terá que agir e interagir na matéria densa como se essa fosse a única existência sua em um corpo físico. O Véu de Maya o protege de reconhecer e ser reconhecido, por desafetos de outras existências, como, também, o faz iniciar cada encarnação na plena simplicidade e ignorância, motivo que aumenta sua crença na unicidade da existência. Durante a noite, enquanto seu corpo dorme, o espírito adquire uma semiliberdade e recobra sua consciência e sua identidade espiritual. Esses momentos são para ele como uma ressurreição. Como o atual corpo não vivenciou ou experienciou as experiências de seu espírito em corpos anteriores, o espírito não consegue passar para o consciente exterior do atual corpo esse conhecimento.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Dom 26 Fev 2017 - 10:07

11 01 2015
Tudo na vida tem um motivo de ser, nada acontece por acaso. O acaso não pode existir porque ele nunca será perfeito. Para que algo seja perfeito, terá que haver uma inteligência que o comande ou uma lei que o direcione. Sabemos que todas as leis naturais são perfeitas e levam à perfeição. A natureza toda obedece rigorosamente a essas leis. O único que pode infringi-las é o ser humano, mas sempre será responsabilizado e terá que ressarcir o dano causado pela sua infração. É o que Jesus diz: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”. Em outra passagem diz também: “Não passará nem um til nem um jota da Lei sem que tudo seja cumprido”. O acaso não pode juntar mais um elétron em um átomo e esse se transformará em um outro elemento. Uma consciência, uma inteligência pode. Não há seres sobre a terra que conseguem materializar objeto? Isso não é transformação de átomos em outro elemento? O que nos falta é fé, como diz Jesus.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Seg 27 Fev 2017 - 8:28

12/01/2015
A morte libera o espírito do vínculo com a matéria. Mas, quando o consciente exterior é muito ligado às coisas materiais, o espírito torna-se quase que um escravo dela, muitas vezes tendo que ficar ligado ao corpo morto, presenciando sua decomposição, sentindo todo asco desse acontecimento. Outras vezes, agarra-se às coisas que pertenciam a seu corpo quando em vida, e não admite que ninguém toque naquilo que lhe pertenceu. Esses apegos tornam o espírito cego e insensível às coisas do mundo do espírito. Não vê, ou até pode ver os socorristas a lhe trazerem socorro, mas não os ouve. Continua apegado ao que a morte tirou de seu corpo e que não lhe pertence mais. Essa situação continua até que, de uma forma ou outra, se convence de que precisa de ajuda e pede socorro. Sempre que o espírito pede socorro, é atendido, embora não seja liberado da responsabilidade pelos seus atos. Cedo ou tarde, terá que ressarcir a sua infração à lei estabelecida por Deus.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Ter 28 Fev 2017 - 8:49

13//01/2015
A vida na matéria é a melhor escola a que Deus nos submete para que possamos evoluir. Além da própria evolução, também experienciamos os conhecimentos divinos. A descida à matéria sempre pode ser uma faca de dois gumes. Precisamos nos lembrar de que o consciente exterior começa a se formar já no ventre materno. Quando a família não fornece ambiente favorável para um desenvolvimento sadio, com princípios e limites, então já começa a formar desde a mais tenra idade desvios de caráter, tendências belicosas e julgar-se “o tal”. Não tem o menor respeito por ninguém. Crê poder fazer tudo o que lhe “der na telha”, e tem-se como desrespeitado quando tentarem corrigi-lo. Esses são aqueles cujo espírito apenas está no corpo para manter o funcionamento, ao passo que está dormindo. Pobre espírito, em vez de vir para escola, veio para angariar mais carmas para suas vidas futuras. E terá que voltar muitas vezes para poder libertar-se dos fantasmas que criou e que terá que de exorcizar.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Qua 1 Mar 2017 - 8:22

14/01/2015
No retorno ao mundo espiritual, o espírito desencarnado vai para onde o colocar seu peso específico, isto é, a sua evolução, a atenção que recebe do consciente exterior de seu corpo físico, de quanto cuidou de seu companheiro de agir e interagir na matéria. Esses fatores vão determinar a consciência do espírito, a sua nova situação de espírito desencarnado. Especialmente, quanto maior o seu apego às coisas materiais, mais vai demorar a conscientização de sua nova situação. Esse tempo pode ser longo e, até, muito longo. O melhor auxílio que se pode dar a esses espíritos, não né querendo convencê-los de alguma coisa. Eles não vão acreditar em nada do que se disser. Eles poderão concordar para se verem livres. A única forma de poder auxiliá-los é fazendo com que eles modifiquem seus tônus vibratório. Caso contrário, continuarão da forma como estavam. Eles precisam de ação, não de palavras para os convencer. Não adianta mandar para lá ou para cá, pois não vão obedecer, a menos que aquilo que se disser os façam modificar seus tônus vibratório.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sex 3 Mar 2017 - 8:32

15/01/2015
A evolução espiritual é uma lei que está impressa em nosso DNA. Não, o DNA correspondente à matéria. Esse tem pouca influência sobre a nossa individualidade. Falo do DNA do Espírito. Esse é o que nos identifica, tanto a nossa individualidade como a nossa origem Divina. O DNA que os pais fornecem para a formação do corpo físico, não interfere na estrutura da individualidade do ser. Cada indivíduo tem seu próprio DNA, e nele estão gravadas todas as leis que intervêm e interferem em nossa vivência, tanto ao nível individual quanto ao nível coletivo. Esse é um dos fatores que a ciência humana não conseguiu ainda detectar, talvez nunca consigam, isso pelo fato de que a ciência dos homens somente aceita aquilo que é mensurável. Sabemos muito bem que as coisas do espírito não podem ser medidas, pois somente são medidas pela medida de Deus, que desconhecemos. Inclusive, a ciência dos homens talvez nunca conseguirá detectar uma das grandes transformações do ser humano em seu DNA, que, de duas hélices, foi transformada em doze, talvez a maioria dos humanos já a tenham. Essa é uma das primeiras partes da transformação geral que está chegando aí.


Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sab 4 Mar 2017 - 9:14

16/01/2015
Os passos incertos que demos em nossas vidas passadas atrasaram a nossa evolução espiritual e, em consequência, retardaram também a nossa mestria. Muito nos desviamos do caminho, e difícil está tornar a encontrar o caminho reto. O nosso consciente exterior bitolou-se a crer que temos só uma vida em corpo físico. Essa crença apaga a condição de do resgate, da “Colheita das sementes plantadas” e do “Não passará nenhum til nem um jota sem que tudo seja cumprido”. Dá ao consciente exterior a sensação da impunidade. Dá para fazer o que quiser, depois pede perdão e tudo bem. Essa informação passada de geração em geração liberou o ser humano de aplicar-se, de buscar a sua evolução, de dar ao espírito o mesmo tempo que dá ao corpo. Em outras palavras, alimentar o espírito assim como alimenta o corpo. Ambos são partes do mesmo conjunto. Ambos precisam andar juntos para que haja equilíbrio e harmonia. A evolução só pode acontecer quando a matéria e o Espírito forem um conjunto harmônico e de interdependência.


Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Dom 5 Mar 2017 - 20:02

17/01/2015
Como seres dotados do poder criador, somos os criadores de nosso mundo. Criamos as condições que fazem com que nossas criações mentais, cedo ou tarde, criem forma. Parece difícil de entender essa correlação do pensamento com as criações. Somos demasiadamente dependentes, somos como São Tomé, que precisou ver as chagas no corpo de Jesus para crer que Ele havia ressuscitado. Nosso consciente exterior está muito bitolado, mais ou menos como as ciências dos homens, que só creem naquilo que possa ser mensurado. Ele tem dificuldade para perceber e aceitar algo que está escondido em outra dimensão. O oculto, para si não existe. Mesmo com todas as provas que, se buscadas pela lógica, facilmente se descobrirá que tudo o que existe e foi feito por mãos humanas saiu, ou melhor, iniciou no pensamento de alguém. O pensamento criou, surgiu no astral, e, posteriormente, foi materializado no mundo físico. Assim, tudo o que pensamos e imprimimos nele o nosso sentimento surge em primeiro lugar no astral e depois materializa-se no mundo físico, para benefício ou cobrança de quem as criou.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Seg 6 Mar 2017 - 8:12

18/01/2015
Cada ser criado tem sua forma própria de evoluir. Os seres elementais, zelam pela natureza, em cada uma de suas particularidades, para que consigam executar perfeitamente a finalidade para que foram criadas. São eles os responsáveis pelo seu perfeito funcionamento. Cada Elemental dentro de sua atividade específica. Os Devas e Elohins são os criadores da forma. São eles que, utilizando o fluido primordial, modelam, pelo pensamento, de acordo com a vontade de Deus, as coisas necessárias ao perfeito funcionamento do universo. Os Anjos e os Arcanjos são os distribuidores das energias Divinas a todos os seres. Todos, indistintamente, e independentemente das funções que executam, evoluem, e, completada a evolução dentro de sua categoria, são elevados. O ser humano também tem duas atividades inerentes à sua categoria: a experienciação do conhecimento Divino e a sua própria evolução espiritual. Pela característica do ser humano, este é o único que pode fazer ou deixar de fazer, com a sua respectiva responsabilização. Como diz o Cristo, “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”.


Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Ter 7 Mar 2017 - 8:09

19/01/2015
A busca da evolução espiritual está sempre presente em nosso espírito. É uma lei natural que empurra o espírito a alcançá-la. Assim como todas as leis naturais, ela exerce uma atração irresistível, a que o espírito precisa obedecer. A grande dificuldade que o espírito encontra está no consciente exterior do corpo que está usando, pois esse não consegue intelectualizar coisas que não vivenciou. Como o espírito não tem total ascendência sobre o consciente exterior, fica bitolado na observância dessa lei, e com isso, vai angariar mais carma para ser resgatado em próximas encarnações. Isso acontece quando o ser humano não alimenta seu espírito, ficando totalmente dominado pelos bens materiais, dando todo o seu tempo e suas preocupações ao tilintar do ouro e da prata. O espírito, esse fica relegado para segundo ou terceiro plano, situação em que o põe a dormir. Dessa forma, o consciente exterior “pinta e borda”, fazendo com que o espírito tenha que retornar muitas vezes a um corpo físico para resgatar e corrigir a indisciplina do cavalo que usou para sua descida à matéria.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sex 10 Mar 2017 - 14:44

20/01/2015
Grande parte das dificuldades que se apresentam à nossa vida é proveniente do nosso distanciamento da Fonte de todas as coisas. A vida que levamos restringe-se quase que exclusivamente a satisfazer as nossas necessidades materiais. Necessidades que, muitas vezes, são mais de nosso orgulho, da vaidade e do ego coroado. Adquirimos coisas para depois deixar atiradas num canto ou, no máximo, as usamos uma ou duas vezes por ano. Quanto mais necessidades materiais tivermos, mais longe da Fonte estamos. Não dizia o Cristo “Buscar em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça, que tudo o mais vos será dado de acréscimo”? Aqui está o segredo: quanto mais ligados estivermos com o reino de Deus, menores serão as nossas necessidades, porque, quando elas se apresentam, serão imediatamente satisfeitas, pois nos serão dadas de acréscimo. O povo Judeu não ficou por quarenta anos no deserto? No entanto, foram alimentados todos os dias com maná e codornizes. Quando estamos conectados com a Fonte, nossas palavras são ordens para o universo, que imediatamente as executa.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO I (BOOKESS.COM)

Mensagem  marcio em Sex 10 Mar 2017 - 18:20

Quero agradecer a voce Miguel pela companhia diária, as vezes semanal e ate mensal nas publicações das mensagens de JAVé.
Ao longo destes 10 anos foram vários fóruns por que passei e tive muitos colegas que me acompanharam ora criticando, ora elogiando.
Aprendi com JAVé a ouvir pacientemente e perdoar a todos.
Talvez eu volte a publicar algo, não sei..., o alem sempre prepara a vida dos homens na Terra e talvez venham novos ensinamentos.
Abraço a todos
Marcio

marcio

Mensagens : 236
Data de inscrição : 29/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sab 11 Mar 2017 - 9:41

Obrigado Marcio. Também luto pelo que você está lutando, somente em outro ângulo de visão. Aquilo que, não sei a troco de que santo, fiz em uma sessão de Terapia Holística, em aplicar três Raios Divinos concomitantemente, a um espírito desencarnado, que desencarnou em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro e veio solicitar ajuda, e cujos resultados extrapolou os limites de nosso universo terráqueo, onde seres de 12ª dimensão vieram buscar esse conhecimento para aplicarem nas águas de seu planeta que fora contaminada por acidente de cientistas descuidados. Bem ou mal estou fazendo o possível para levar à humanidade esse conhecimento do uso dos RAIOS DIVINOS ou CHAMAS, mas como sói acontecer fazem ouvidos moucos, mesmo com a comprovação através de áudios que ponho em meu blog: miguelfaccio.com.br/blog onde há a comprovação do "estrondoso" resultado obtido do uso, através do pensamento, destas energias que poderão salvar o ser humano de seu "inferninho" criado por desleixo e irresponsabilidade de uma criação malformada. Não podemos desistir.
Saúde e paz Marcio
Miguel

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sab 11 Mar 2017 - 9:44

21/01/2015
Não somos náufragos que por acaso caímos aqui neste planeta, neste país e nesta cidade em que estamos vivendo. As andanças que fizemos tiveram, da mesma forma, objetivos determinados. Não podemos nos esquecer de que o nosso retorno à carne foi projetado, estudado e preparado, se não nos mínimos detalhes ao menos em seu âmbito geral. O maior entrave para a execução desse planejamento está no consciente exterior do corpo físico. Este somente tem conhecimento de suas experienciações e vivências. Tudo o mais lhe foge; me perdoem as palavras que vou usar: o nosso consciente exterior é pior que uma mula de carroça, não consegue ver para os lados, as viseiras lhe impedem. Temos dificuldades para abrir a mente, para absorver novos conhecimentos, especialmente quando se trata de questões de espiritualidade, quando são conhecimentos de difícil comprovação e mensuração, tendo que ser intelectualizado somente pela lógica e pela razão.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Dom 12 Mar 2017 - 8:25

22/01/2015
A busca da evolução espiritual é um dos objetivos que determinamos para cada retorno à matéria. Mas, ao chegar aqui, o espírito tem que enfrentar situações que para si são conhecidas, mas para o consciente exterior são novidade. Uma das dificuldades que o espírito precisa enfrentar é esta: a inexistência de qualquer registro no consciente exterior do seu corpo. Tudo, tudo mesmo, precisa aprender. Tudo terá que experienciar, porque somente poderá aprender se tiver experienciado antes. Nada lhe cai do céu, como se diz por aí. Por si só lhe é muito difícil aprender, e está na responsabilidade da família mostrar-lhe os passos iniciais, dar-lhe princípios e limites, porque são esses que o conduzirão a bom termo nessa caminhada que empreendeu obedecendo ao chamado da Lei do Progresso, para que busque sua perfeição. Esse chamado é irresistível e terá que tentar por enésimas vezes até que consiga elevar-se a uma oitava superior de evolução, onde, então, se libertará da roda interminável da reencarnação.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Seg 13 Mar 2017 - 8:43

23/01/2015
As capacidades humanas não são do corpo físico, mas do espírito que o habita. Cada corpo foi preparado para servir ao espírito e suas necessidades ou o planejamento das atividades que precisava desenvolver. Assim como a grande maioria dos espíritos encarnados vêm à Terra para resgatar alguma coisa, outros há que vêm para dar um empurrão ao desenvolvimento coletivo. Estes, geralmente, trazem conhecimentos que as gerações anteriores jamais suspeitavam de sua existência. Não podemos fechar os olhos, especialmente quando esses conhecimentos referem-se muito mais aos espíritos do que ao conhecimento científico humano. Precisamos ter em mente as palavras de Jesus, e não podemos ser como eles: “Têm ouvidos, mas não ouvem; têm olhos, mas não veem”. E não podemos ser como mulas de carroça, cujas viseiras não as deixam olhar para os lados. Se novos conhecimentos surgem, são para o ser humano e não para a religião tal. O ser humano está tão bitolado que não consegue ver diante dos seus olhos, não o caminho, mas a supervia que o plano espiritual coloca à sua disposição para poder, mais facilmente alcançar a sua evolução espiritual.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Ter 14 Mar 2017 - 8:38

24/01/2015
Tudo tem inteligência. Para muitos, isso parece uma utopia, mas não é não. Aquilo que nos parece irreal o é somente ao nosso consciente exterior, que somente sabe e conhece aquilo que experienciou, e, mesmo assim, se considera conhecedor de toda a verdade. Aqui, dá para lembrar a frase de Shakespeare: “Há muito mais coisas entre o céu e a terra do que pensa a nossa vã filosofia”. Quanto às ciências humanas, não dá nem para comparar. Elas só tratam das coisas da terceira dimensão. Estamos falando aqui, do outro lado da medalha, ou seja, em outra dimensão. Situação que somente poderá ser intelectualizada por uma mente aberta e pela razão. Isso não é uma balela, tudo tem inteligência sim, pois tudo é Deus, e Deus é tudo. O que quer que imaginemos, onde quer que alcance a razão e a lógica, tem inteligência. Há inteligência no girar do elétron dentro do átomo, como há inteligência no girar dos planetas em torno do seu sol, e estes em torno do sol central da galáxia. Como também há inteligência na luz que nos ilumina e aquece, como no vento que sopra para onde quer.


Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Qua 15 Mar 2017 - 8:38

25/01/2015
O processo depurativo do espírito inicia logo após acordar do outro lado da vida. Aquilo que erroneamente foi atribuído a Deus, o papel de juiz, é totalmente inverídico, a menos que se reconheça que cada espírito é uma parcela Divina. Aliás, o Cristo já dizia, “Vós sois Deuses”. A divindade como tal, não se presta a esse papel. Quando o espírito desencarna, a partir do momento em que ele se reconhece, se identifica, passa diante de seus olhos, como que num filme, toda a sua vida dentro do corpo físico. Neste momento, ele sente onde errou e começa a entender a necessidade de resgatar aquilo de errado que fez. Não precisa que ninguém diga; a sua própria consciência o acusa e ele sente na própria alma a consequência dos seus atos, pensamentos e palavras, especialmente quando feriram outras pessoas. Então, prepara-se para uma nova oportunidade de regressar à matéria para resgatar seus mal feitos. Muito vai depender de a nova família fornecer as condições que precisará para ser vencedor e conseguir ressarcir aquilo de errado, feito em sua vida passada.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Qui 16 Mar 2017 - 8:03

26/01/2015
Os passos incertos que demos em nossas vidas anteriores transformaram-se nas pedras do caminho que temos que percorrer agora. Isso é uma grande realidade. Isso demonstra a forma como dá para entender as palavras de Jesus, que, embora muito incompreendidas ainda, demonstram claramente a aplicabilidade e a veracidade de suas palavras. Jesus dizia: “Nem um til nem um jota passarão da Lei sem que tudo seja cumprido”. Especialmente as religiões cristãs precisam debruçar-se com mais dedicação a essas e outras palavras de Jesus. A Lei é feita para todos, independentemente de religião. As religiões são apenas um acidente de percurso. Elas, por si só, não deixam de ser apenas uma agremiação religiosa e nada mais. Cada uma se arvora o direito de ser representante de Deus, ou o nome que lhe queiram dar. Mesmo assim, muito mal entenderam as palavras de seus principais Mestres, e se acham no direito de serem seus procuradores. Se nada passará da Lei, de alguma forma, quem a infringiu terá que ressarcir. O pagamento não é hipotético, mas em um corpo, assim como quando infracionou a Lei.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Miguel Arcangelo Faccio em Sex 17 Mar 2017 - 8:13

27/01/2015
Os dons divinos sempre estiveram à disposição de toda a humanidade em todos os tempos. Precisamos entender uma coisa: Deus não nos impinge nada, a menos o que nos deu quando de nossa criação como individualidades. Fora isso, a nada mais nos obriga. Se o fizesse, estaria infringindo uma de suas Leis, a do Livre Arbítrio. Por isso, disponibiliza seus dons, mas cada um terá que buscá-los. Quem os buscar, receberá e quem não os buscar, ficará a “ver navios”, como se diz por aí. É nisso que estão colocadas as palavras de Jesus: “Pedi e recebereis, buscai e achareis, batei e abrir-se-vos-á”. Precisamos desanuviar as nossas mentes, de ensinos que nos foram passados que “Deus dá isso, Deus dá aquilo”. Se Deus dá a um, terá que dar a todos, para ser justo. Se preterisse alguém, seria injusto e, com isso, não seria Deus. O que nos esquecemos é de que somos nós mesmos que criamos o nosso futuro, as pedras e as flores de nosso caminho. Diria mais: nós criamos a cama onde vamos nos deitar e depois reclamamos a dor que os pregos causam em nossas costas.

Miguel Arcangelo Faccio

Mensagens : 1013
Data de inscrição : 03/01/2011
Idade : 73
Localização : Passo Fundo (RS)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO I (BOOKESS.COM)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 34 de 37 Anterior  1 ... 18 ... 33, 34, 35, 36, 37  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum