COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  Zero em Sex 10 Ago 2012 - 14:24

A sabedoria é a luz que brilha e ilumina as nossas vidas.
E brilha mais quanto maior for à capacidade de meditação, o desejo
de aperfeiçoamento, a infinita vontade de ser melhor.
Ninguém nasce sábio e a sabedoria vai sendo adquirida aos poucos,
Ao longo da vida, como pérolas à volta da nossa mente.
A mente que vive em liberdade, que busca a perfeição,
que luta pelo amor e descansa em harmonia.
A expressão maior da liberdade é competir consigo mesmo.
É fazer melhor hoje do que ontem. É bater seus próprios recordes todos os dias. Competir com os outros é medir nossas forças, é aferir nossos níveis de sabedoria, mas não deixe que isso o afete.
Somos todos desiguais. Afaste a soberba na vitória e o sentimento de inferioridade na derrota.
Vê mais longe quem voa mais alto.
E para voar mais alto é preciso saber, entender, construir um mundo interior maior, mais perfeito. Mas lembre-se de que, lá no alto, ninguém se sentirá bem, humilhando quem está embaixo. Pelo contrário, ajude quando puder. Puxando os outros para o alto, você irá se sentir em boa companhia e isso faz parte do universo da perfeição.
Fácil é saber que o tempo é o item mais democrático do mundo: todos têm 24 horas por dia para viver... Difícil é saber dar prioridade àquilo que a gente quer fazer!
A vida é um risco que vale a pena.
Vença o medo e arrisque. Se o risco for bem calculado, você terá todas as chances de conseguir vencer seus obstáculos, sem se machucar, Confie nas suas capacidades. Se não for bem sucedido na primeira tentativa, não desista. Tente melhorar e volte à carga.
O mais importante na vida é o olhar em frente e alcançar a perfeição naquilo que mais se gosta de fazer. As pessoas, em geral, sentem medo em mudar, de enfrentar o desconhecido, e acabam se mantendo no mesmo lugar. O qual talvez não seja aquele onde gostariam de estar. Outras, vencem a hesitação , ousam avançar, partem para novas aventuras. E se dão bem. Mudam para melhor.
Quebre a hipnose da auto limitação.
Você poderá chegar aonde os outros chegaram, à sua maneira, no seu próprio ritmo, com dedicação e energia.
Aos poucos, saberá também onde quer chegar. Que é o mais importante.
Temer o desconhecido faz parte da vida.
Há um jeito, porém, de dominar esse temor. Parta para um investimento diversificado. Invista em novas idéias, novos interesses, novos relacionamentos, novas razões para sentir o prazer de viver. E de tanto transformar o desconhecido, você perderá o temor de mudar.
Todos os seres têm medo. E os humanos, também. Mas não se deixe dominar pelo medo. Viver eternamente com medo não é viver. E só pode atrair desgraças. A mente nasceu para ser livre, até do medo.
avatar
Zero

Mensagens : 536
Data de inscrição : 26/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Dom 26 Ago 2012 - 15:31

Olá Zero!

Nossa , linda a sua contribuição!

fadinha


Vou colocar aqui uma mensagem de Kuan Yin:

A amada Kuan Yin diz:


" Pensai em mim quando atuais em vosso mundo, pensai no Amor e Misericórdia. Recomendo o perdão quando estais em desarmonia com vossos semelhantes. Quando observai as suas franquezas, envolvei-os na Chama da Compaixão. Perdoai a todos e também recebereis em profusão a Misericórdia e o Perdão."


Mensagem de Kuan Yin


Ternamente, trilho os canteiros floridos de Deus, em todos os meus caminhos do dia e da noite.
A aurora fala-me com a canção celestial; o crepúsculo sua quietude me acalma.
Vivo num mar de tanta beleza feita para mim, e me pergunto: como pode tudo isso surgir?
Então, em seu canteiro, uma flor desabrocha, tão imperceptível e suavemente, revelando-me sua maneira de agir.
Rezo então a Ele: Que nenhuma rudeza eu ponha mais em meu caminho!
Labuto, pensando apenas na canção que traduz o Amor,o grato Amor, a Misericórdia e a Divina Paz!


fonte: Fogo Sagrado
http://kalevieadwine.blogspot.com.br/2012/04/kuan-yin-deusa-da-misericordia.html

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Ter 28 Ago 2012 - 21:27

Paramahansa Yogananda

"A única maneira de conquistar Deus é por amor.
O conhecimento prepara o caminho para o amor.
Você não pode amar o que não conhece.
O conhecimento de Deus deve, portanto, preceder o amor a Ele.
Esse conhecimento surge com a prática da Kriya Yoga.
Quando conhecer Deus, voce O amará e, amando-O, entregar-se-á a Ele.
Então, a paz Dele, entrará em seu coração.
Nosso amor é a única coisa que Deus não possui, a menos nós o ofereçamos.
Assim - veja você - até o Senhor tem algo para conquistar: o nosso amor.
E não existe amor maior que o Dele.

Para amar a Deus, é preciso conhece-Lo"

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Seg 3 Set 2012 - 14:02

Mensagem Canalizada de kuan Yin

KUAN YIN - Focalizando Alegria para a Terra

Saudações meus amigos. Eu sou, agora, membro da sua Hierarquia Espiritual mas passei muitas vidas na Terra. Durante minha última vida na Terra realizei muitas ações bondosas. Fui muito lembrada por isso e fiquei conhecida por muito tempo como a Deusa da Misericórdia. Ainda estou procurando promover essa qualidade e ajudando a trazê-la para a Terra. Também estou expandindo minhas energias, agora, a fim de incluir o uso de todas as qualidades do coração na Terra, especialmente para ensinar a Terra como se tornar mais receptiva a essas qualidades.

Como urna parte da Terra física, vocês têm a vantagem de serem capazes de aprender nela. Quando abrirem seu coração para a bondade, para o amor, para a alegria, para a paz e para a integridade, vocês permitirão que a Terra e a humanidade expressem tais qualidades com vocês e também permitirão a si mesmos recebê-las. Assim vocês se tornam um canal para essas qualidades

Vocês não precisam sentir que são particularmente dotados no uso de tais, qualidades, mas posso assegurar-lhes que, se vocês se permitirem ser receptivos a elas e, permitirem que os instrutores e a Terra fluam essas qualidades através de vocês dessa maneira, elas irão se transformar em forças, pois são uma parte daquilo que vocês já são. Elas fazem parte daquela Divindade no interior de vocês, que é perfeita e já sabe como utilizar o fluxo ideal que vem do Próprio Criador.

De inicio, o uso dessas qualidades pode parecer difícil, porque aparentemente a Terra não as recebe. Essa é uma das coisas nas quais estou trabalhando. Eu estou ajudando a impregnar a Terra com tais energias, de modo que ela as possa receber com mais facilidade. A chave consiste em saber que essas energias estão à disposição de vocês, e que elas podem ser uma parte de vocês, que podem aprender a expressá-las.

A experiência da Terra é uma escola, um campo de treinamento, no uso de suas habilidades como co-criadores. Serem receptivos a essas qualidades da Fonte faz parte do aprendizado pelo qual vocês estão passando na Terra.

Não se espera que vocês façam isso direito na primeira vez. O que realmente esperamos e que vocês continuem a tentar realizar o melhor de suas habilidades, a expressar essas qualidades que estão enterradas em vocês mesmos. Pedimos, simplesmente, que vocês se treinem no usa delas. Com continuidade da prática virá a perfeição.

Vai chegar um momento em que vocês poderão ser canais perfeitos para o amor, a alegria, a paz, a compreensão, a clareza e a verdade que está disponível para vocês vindas da Fonte que esta dentro de vocês. Quando vocês aprenderem a ser a fonte dessas qualidades Divinas, vocês as irradiarão para os outros com muito mais intensidade do que irradiariam se não tivessem aprendido.

Vocês irão se tornar exemplos para os outros seguirem, exatamente como fez o Mestre Jesus, quando permitiu que o Cristo trabalhasse através Dele.

Vocês irão se tornar uma parte da Terra que aprendeu a se expressar dessa maneira, como Ele se expressava. Assim, cada passo que vocês dêem, cada avanço que fizerem será uma vitória para a Terra e um passo além para o crescimento dela. Todos vocês estão buscando seu propósito espiritual na Terra.
Eu sugeriria que seu propósito comum é ajudar a Terra a aprender a expressar essas qualidades Divinas da Fonte.

Eu agradeço muito por esta oportunidade de falar com vocês a respeito do que estou realizando. Realmente gostaria de trabalhar com muitos de vocês e de compartilhar aquilo que aprendi quanto ao uso dessas qualidades Divinas do coração aqui na Terra.

Meu amor para vocês,
Kuan Yin

Obs: Misericordia é a graça recebida por amor.





fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Qua 26 Set 2012 - 11:14


MESTRA ROWENA

TERCEIRO RAIO/CHAMA

ROSA DO AMOR DIVINO,

HARMONIA, TOLERÂNCIA.

AMADOS ANJOS,

MANTENDE A CHAMA ROSA

FLAMEJANDO/FLAMEJANDO/FLAMEJANDO!

ATÉ QUE TODA A VIDA NA TERRA

MANIFESTE EM PENSAMENTOS,

SENTIMENTOS E ATITUDES, O AMOR,

A PAZ E A PERFEIÇÃO DE DEUS!

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Sex 12 Out 2012 - 13:04

Meditação de Luz.

Meditação do Amor

Sente-se ou deite confortavelmente
Se desejar coloque uma musica para relaxar

Sinta as emanações de amor. voce não precisa sentir o amor
como uma emoção forte com excitação, apenas sinta calmamente.

O amor é calmo como o agradecimento e a compaixão
Ao fazer a meditaçao do amor, é bom sorrir sempre .

Use a sua imaginaçao, visualize o amor como uma luz rosa brilhando.
Imagine que essa luz do amor saindo do seu peito e se expandindo para todo seu corpo.

Agora imagine que toda celula do seu corpo esta brilhando com a luz forte do amor.
Sinta e aproveite este sentimento de amor no seu corpo.

É normal que seu corpo vibre ao fazer a meditaçao do amor.
Não se assuste, relaxe apenas.

Agora , imagine que de cada celula do seu corpo esta radiando essa luz rosa do amor
ao seu redor preenchendo todo o ambiente.
Imagine que essa luz rosa esta se espalhando ainda mais, e esta espalhando por toda a cidade.
Imagine que todas as pessoas , plantas , e animais se sentem felizes quando sao expostos a essa luz rosa de puro amor.

Agora imagine que essa luz rosa esta enchendo todo o planeta . Imagine que todos os seres viventes estao cheios com essa luz rosa do amor.

Faça isso por 15 a 30 minutos todo dia.

Voce tambem pode mandar amor a quem quer que seja, simplesmente imaginando essa luz rosa do amor sendo enviada e envolvendo essa pessoa.

Beneficios que nos temos quando fazemos a meditaçao do amor todo dia...:
1. As pessoas em volta a voce vao te tratar bem..
2. Voce vai se sentir bem , e podera reduzir o estresse
e emoçoes negativas , ao fazer a meditaçao do amor.
3. Voce vai se sentir com saude.
4. Sua vida vai mudar e voce tera boa sorte.
Onde os outros vejam a luz do novo dia ,
logo apos quando nasce o sol ,
eu vejo a alma de DEUS gritando de alegria

Kwan Yin
[b]

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  Viajante em Dom 9 Dez 2012 - 10:34



OM MANI PADME HUM

avatar
Viajante

Mensagens : 44
Data de inscrição : 18/08/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Dom 13 Jan 2013 - 11:35

Olá Viajante,

que linda imagem! Kuan Yin foi a condutora do sétimo raio, violeta da transmutação, antes de Saint Germain.
Na verdade ela não tem essa aparência. Como Deusa ela (conhecemos assim, porém ela é muito anterior) apareceu primeiro na Índia, porém não tem traços indianos também. Ela é verdadeiramente uma Deusa, linda, linda, linda, mas sem traços raciais que a identifiquem, é tão linda que a gente logo vê que não é humana como nós, não apresenta defeitos. Usa jóias da cabeça aos pés como todos os seres da Fraternidade Branca. Ela é impressionante.

Om Mani Padme Hum!

fadinha

Amigos, uma belíssima página do Wagner Borges falando sobre o Amor do grupo Os Iniciados, que são espíritos orientaiis como o Viajante captou que seria meu próximo post...
Destaco esse trecho acrescentando que enquanto temos consciência devemos trabalhar limpando o passado e presente e construindo um futuro de AMOR.

Por isso, não fujam do encontro real, aquele consigo mesmos... Sigam apaziguando as emoções, por dentro, e abrindo os sentimentos reais, fazendo, então, com que eles dissolvam as camadas emocionais grosseiras, que bloqueiam o Amor, para dissolução do medo de amar e do medo da Luz.

fadinha

Diluindo as ondas cinzentas - Parte 2

:: Wagner Borges ::

(E Projetando Luz nas Ruínas, de Dentro e de Fora...)



Muitas vezes, espíritos sofredores entram em lugares abandonados e casas em ruínas e se instalam ali - e, também, nas fábricas abandonadas e prédios obscuros.
Eles gostam de ambientes assim, sem claridade, porque sabem que outras pessoas não irão até lá. E por que eles ficam nesses locais?...
Porque eles sabem que ali poderão ficar nas sombras, recolhidos em si mesmos, da mesma forma que já o faziam quando encarnados, quando não enfrentavam os próprios problemas; quando se recolhiam com medo da luz do esclarecimento e fugiam para dentro de si mesmos, nas sombras de seu ego.
Desencarnados e de frente consigo mesmos, ainda tentam fugir, e se escondem em locais estranhos - como já faziam nos locais obscuros de sua própria mente, quando encarnados. Eles ficam escondidos, com medo da Luz, com medo do encontro consigo mesmos, presos em campos psíquicos cheios de formas mentais estranhas, relativas ao passado, ao apego e ao pesar de tantas coisas não resolvidas e não encaradas, de frente. E, por isso, sofrem nos lugares obscuros...
Em contrapartida, outros preferem lugares frequentados por multidões; locais onde o cheiro do álcool é abundante, locais com cheiro de fumo e, quiçá, locais com atmosfera de drogas. Eles fluem para ali porque esta também é uma forma de fugir de si mesmos, inalando o vapor que dopa os seus sentidos astrais, nas energias dos encarnados correspondentes aos seus próprios vícios.
Muitas vezes, encontramos estas entidades sofredoras nos lares das pessoas "aparentemente de bem", mas que brigam muito e não têm ambiente de harmonia.
Infelizmente, encontramos esses ambientes obscuros também nos lares, assim como os encontramos nas ruínas... Porém, esses espíritos sofredores não suportam permanecer em ambientes pacíficos, luminosos e serenos, porque a quietude os força a ir para dentro. E, aí, eles se encontram consigo mesmos - e é esse encontro que eles tentam evitar.
Naturalmente que os ambientes serenos, tranquilos e elevados espiritualmente estão protegidos da entrada de entidades sofredoras. Por isso, a importância da irradiação de energias positivas no lar, a realização de preces, ou a concentração nos mantras benfeitores; a audição de músicas virtuosas e a emanação de pensamentos sadios e de harmonia no lar...
A importância de lembrar-se diariamente do próprio Espírito, da própria Luz; a importância de não se deixar engolfar pelo materialismo alienante e envolvente, e de não se deixar levar pelas emoções circunstanciais e por aquilo que a multidão fala ou pensa naquele momento... A importância de ter um centro próprio de referência e consciência, um centro de vontade plena, que decida por si mesmo o próprio rumo da vida; a capacidade de ponderar e se disciplinar naturalmente nas coisas da Luz.
E, também, a noção correta da participação em reuniões virtuosas, que formam campos luminosos (egrégoras**), que se propagam no Invisível e chegam aos lugares escuros e, gradativamente, vão expondo aquilo que está escondido.
Energias que fluem, por Amor... Que seguem por entre os diversos planos, limpando, lavando, iluminando, elevando, e abrindo portais espirituais que recolhem os sofredores, aqui mesmo, ou em outros lugares, sempre sob o comando do Alto, pela ação de seres de Luz que jamais aparecem e que sempre sustentam o trabalho de assistência espiritual.
E ninguém os vê, porque são consciências elevadíssimas e que operam em níveis altamente sutis. Eles é que são os verdadeiros sustentadores de todos os trabalhos, sempre em nome do Alto, sempre em nome do "Poder Maior Que Gera a Vida" - o Amor que Gera o Amor, e faz a Vida acontecer...
Há entidades nas ruínas, nas multidões e nos lares, e tudo isso é sintonia...
Ponderem sobre isso e observem o clima de disputa que há nos próprios lares, onde, às vezes, estão reencarnados antigos desafetos do passado, como filhos e parceiros, sob o mesmo teto. Observem o clima de competição entre casais e ponderem bem: o que isso atrai? E observem o medo, que, muitas vezes, leva as pessoas a deixarem de amar, ou de se abrirem para um grande amor, ou mesmo de deixarem passar a vida...
Tudo isso por medo do Amor, assim como, as entidades sofredoras têm medo da Luz - e também do Amor -, e, por isso, jamais se encontram.
E, como vocês mesmos sabem, os iniciados espirituais de todas as eras sempre trabalharam nas iniciações para se encontrarem com sua própria essência, por dentro, e, por conseguinte, o TODO, neles mesmos.
Por isso, não fujam do encontro real, aquele consigo mesmos... Sigam apaziguando as emoções, por dentro, e abrindo os sentimentos reais, fazendo, então, com que eles dissolvam as camadas emocionais grosseiras, que bloqueiam o Amor, para dissolução do medo de amar e do medo da Luz.
E que, na jornada de cada um, a Luz esteja sempre presente, iluminando as trilhas dos corações. E, num planeta sofrido como este, de provas e expiações, quem já anda com um pouco de Luz em si mesmo, já consegue iluminar o caminho para os outros que estão nas ruínas - de fora e de dentro.
Os espíritos viciados em energias sujas, que se drogam em ambientes noturnos, densos, fazem isso porque a verdadeira droga é o vazio existencial deles mesmos. Isso os leva a consumir as energias dos viciados encarnados. E os outros que estão nos lares aproveitando o clima de brigas, também denotam a falta de espiritualidade que já existe dentro deles mesmos.
Então, o que nós temos? Uma humanidade sofrida - e uma humanidade extrafísica sofrida, atrelada espiritualmente -, ambas em ruínas, externas e internas. E a cura é a reconstrução da Luz, no físico e no extrafísico.
Ou seja, projetar Luz e construir um novo prédio, luminoso, consciente, sensato, coerente e benfeitor... E isso está ao alcance de todas as pessoas que se dispõem a trabalhar, a estudar e a enfrentar a própria inércia, como deve ser; como iniciados na Luz, como estudantes espirituais corajosos, que enfrentam a si mesmos e, assim, enfrentam o medo do Amor e iluminam as ruínas de dentro; que constroem novos prédios e seguem em frente, na direção das cidades luminosas, que não existem apenas extrafisicamente, mas, também dentro dos corações.
E só o Alto é que sabe o que cada um tem dentro do próprio coração. Só o Alto é que sabe o valor de cada um, ninguém mais. E é a Luz a parceira de cada um.
Na noite escura da alma, um facho de Luz representa muito; nas ruínas, um toque de Amor representa muito e, juntos, vocês potencializam essa Luz, e os caravaneiros do Alto distribuem-na, somada com a Luz deles mesmos, que, por sua vez, é somada com aquilo que Deus dá e manda em apoio.
E esses benfeitores espirituais*** vão recolhendo os espíritos infelizes da jornada, levando-os para a devida regeneração... E vocês também têm parte nisso, pois são caravaneiros encarnados, que, mesmo sem saber de tudo, participam do trabalho do Alto.
E que isso seja assim, sempre...

Luz na senda!
Amor nos caminhos...

Os Iniciados****
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges - São Paulo, 05 de novembro de 2008.)

- Nota de Wagner Borges: Esses escritos são a transcrição de uma mensagem mediúnica ocorrida numa reunião do Grupo de Estudos e Assistência Espiritual do IPPB (que tem 140 participantes).
Na ocasião, eu estava conduzindo o grupo numa prática de ativação dos chacras e de irradiação energética para assistência espiritual, quando um dos amparadores extrafísicos do grupo dos Iniciados acoplou-se mediunicamente comigo e projetou essas palavras que aqui estão grafadas. Por sorte, alguém gravou e, agora, é possível disponibilizar para todos os apontamentos conscienciais que eles passaram pela psicofonia.
Penso que esses escritos serão úteis para diversos grupos que trabalham em diversas atividades de ajuda espiritual para o mundo. Mas eles também servem para suscitar reflexões conscienciais sadias em qualquer estudante espiritual sério e dedicado.
E não deixam de ser uma alerta de que é preciso a humanidade crescer e transformar suas ruínas escuras em prédios luminosos e felizes. E que isso seja dentro e fora, na Terra e além... Sim, pelo Bem de todos!

Paz e Luz.

- Notas do Texto:
** Egrégora - do grego "Egregorien", que significa "velar", "cuidar" - é a atmosfera coletiva plasmada espiritualmente num certo ambiente, decorrente do somatório dos pensamentos, sentimentos e energias de um grupo de pessoas voltado para a produção de climas virtuosos no mundo.
É a atmosfera psíquica resultante da reunião de grupos voltados para trabalhos e estudos baseados na LUZ. Pode-se dizer que toda reunião de pessoas para a prática do Bem e da Virtude - independentemente de linha espiritual - forma uma egrégora específica, uma verdadeira entidade coletiva luminosa, à qual se agregam várias outras consciências extrafísicas alinhadas com aquela sintonia espiritual para um trabalho interconsciencial.
Provavelmente foi por isso que Jesus ensinou: "Onde houver dois ou mais em meu nome, aí eu estarei."
Muitos dizem que não se deve misturar egrégoras de trabalhos diferentes, porém, quando o Amor se manifesta, desaparece qualquer ideologia doutrinária, e só fica o que interessa: a LUZ.
No dia em que os homens despertarem para climas mais universalistas e cosmoéticos, com certeza esse mundo será melhor de viver.
Viva a LUZ, pouco importa o nome, o grupo ou a doutrina que fale dela. E viva os mentores espirituais que ajudam a todos, independentemente de credo, raça ou cultura esposada.
*** Benfeitores espirituais - entidades extrafísicas e positivas que ajudam a todos; mentores extrafísicos; mestres extrafísicos; companheiros espirituais; protetores astrais; auxiliares invisíveis; guardiões astrais; guias espirituais; amparadores extrafísicos.
**** Os Iniciados - grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente.
Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são "iniciados" em fazer o bem, sem olhar a quem.


fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  estel em Qua 27 Fev 2013 - 13:13

Ontem pensei muito sobre a tragégida em Santa Maria, hoje faz um mês que aquelas crianças foram "para o céu".

Me preparei mesmo para irradiar paz, harmonia e enviar boas energias.

Botei o pé dentro de casa e uma coisa estranha aconteceu: uma paz que eu não conhecia, ou pelo menos não lembrava me preencheu toda, uma voz interior me dizia "agradeça, não peça nada, só agradeça. Hoje é um dia para agradecer".

Fui para a cama com aquele sentimento de paz, alegria e uma certeza de que tudo ia dar certo, muito impressionante.

Hoje de manhã acordei com uma caibra na batata da perna que estou vendo estrelas até agora.

Vai entender.


Bjs,
Estel.

estel

Mensagens : 281
Data de inscrição : 08/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Qua 27 Fev 2013 - 13:44

Não está sozinha...

andei vendo estrelas também. Ontem tive que ir de madrugada para o hospital. Uma pedra no rim, acho que é uma kriptonita...pronta para explodir os meus dias de paz e sossego. Amanhã vou a um médico especializado porque os remédios que me deram foram só analgésicos e vou precisar fazer exames mais detalhados. Me pergunta se eu me lembrava que tinha rins? há muito tempo nem sei o que é isso! o pior é que sem querer a gente fica tensa e contrai os músculos piorando a dor.
Enfim, que lição tirar disso? Sad

melhoras,

fadinha

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  estel em Qua 27 Fev 2013 - 13:59

Melhoras, irmãzinha.

Cuida bem da saúde.


estel

Mensagens : 281
Data de inscrição : 08/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fox_2001 em Qua 27 Fev 2013 - 23:01

fadinha escreveu:Não está sozinha...

andei vendo estrelas também. Ontem tive que ir de madrugada para o hospital. Uma pedra no rim, acho que é uma kriptonita...pronta para explodir os meus dias de paz e sossego. Amanhã vou a um médico especializado porque os remédios que me deram foram só analgésicos e vou precisar fazer exames mais detalhados. Me pergunta se eu me lembrava que tinha rins? há muito tempo nem sei o que é isso! o pior é que sem querer a gente fica tensa e contrai os músculos piorando a dor.
Enfim, que lição tirar disso? Sad

melhoras,

fadinha

Olá Amiga isso doi que mata eu fui reincidente 4 ou 5 vezes (um verdadeiro masoquista da dor) Smile
As causas são estas falta de ingestão de água e repressão das emoções o que me leva a concluir que você sofre sozinha guarda tudo para si mesma.
Se a analise estiver correcta você sofre sozinha para não "partilhar" com os outros o sofrimento,não diz nada que magoe terceiros, mede as palavras e aguenta as piores agressões psíquicas e verbais.
Tem como princípios -o amor em igualdade de doação e a felicidade é o seu propósito de vida e também o seu sonho. Obter isso é para si mais do que ganhar na megasena (euromilhões em portugal) lol.
Comigo tem vindo a ser um processo lento de cura desde o 3 nível de reiki até ao momento Karuna ainda não tive recaídas, deve-se em grande parte a mudança de mentalidade que o 3 nivel e o karuna imprimem no individuio/divindade pois o mesmo começa a deixar de ser individuo para se tornar divindade e com isso alcançar o satori.
Como disses-te lembra-nos que temos rins Smile e de que maneira.
essa lembrança é como o papel que os rins tem no nosso organismo que e é o de filtrar as impurezas do sangue e expelir para fora do corpo e quando não funciona bem pode "envenenar" o sangue (fonte da Vida), a nossa tendência/natureza é o de não expedir para fora esses detritos e tal como os nossos orgãos também nós sofremos com isso.

Namasté as melhoras
Mário
P.S
Se precisares de um carinho de reiki á distancia diz

avatar
fox_2001

Mensagens : 58
Data de inscrição : 26/10/2010
Idade : 36

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  Luiz em Qua 27 Fev 2013 - 23:29

OI FADINHA

ESTA NOVENA É INFALÍVEL



NOVENA MILAGROSA DE STA. TEREZINHA DAS ROSAS

Se você está correndo algum tipo de perigo, vivendo momento de aflição ou angústia, faça a Novena Milagrosa de Santa Terezinha das Rosas. Diz a tradição que, após a Novena, a pessoa receberá de alguém, de uma maneira bem inesperada, uma rosa, sinal de que seu pedido será atendido pela querida e poderosa Santa Terezinha das Rosas.


NOVENA


Esta novena pode ser começada em qualquer dia do mês; há um grande número de amigos de Santa Terezinha que fazem a novena entre os dias 9 e 17 de cada mês.

0RAÇÃO - "Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo, eu Vos agradeço todos os favores, todas as graças com que enriquecestes a alma de Vossa serva Santa Terezinha do Menino Jesus, durante os 24 anos que passou na terra e, pelos méritos de tão querida Santinha, concedei-me a graça que ardentemente Vos peço (faça o pedido da graça que deseja) - se for conforme a Vossa Santíssima vontade e para salvação de minha alma. Ajudai minha fé e minha esperança, ó Santa Terezinha, cumprindo mais uma vez sua promessa de que ninguém Vos invocaria em vão, fazendo-me ganhar uma rosa, sinal de que alcançarei a graça pedida.

"Reza-se em seguida 24 vezes: "Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, assim como era no princípio, agora e sempre, por todos os séculos e séculos, amém." Santa Terezinha do Menino Jesus, rogai por nós.

avatar
Luiz

Mensagens : 2990
Data de inscrição : 30/10/2010
Idade : 59
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  estel em Sex 1 Mar 2013 - 8:59

Gostei da novena.

Vou pedir ajuda para a santinha.

Obrigada por partilhar.


Abraços,
Estel.

estel

Mensagens : 281
Data de inscrição : 08/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Seg 4 Mar 2013 - 22:43

Olá Mário, olá amigos, Estel, Luiz,

agradecida pela força.
Foi realmente terrível. No Hospital não tiveram dúvidas e me deram um coquetel (necessário) de remédios para dor e também para eu parar de vomitar de tanta dor. Aí dois dias depois fui ao médico especialista, prof. doutor por sinal, e ele me pediu para contar a história de como aconteceu. Aí eu expliquei que dormia profundamente quando o meu gato subiu na minha cama e lambeu o meu braço me acordando. Fiquei super brava com ele porque ele costuma fazer isso e me acordar de madrugada. Estava de costas para ele e daí me lembrei que ele, pobrezinho, vive sozinho em um ap em um bairro movimentado...cheia de culpa do tipo religião judaico-cristã... me virei, torcendo o corpo para alcançar o bichinho, para fazer um carinho nele. Essa virada é que foi fatal segundo o médico.
Ele disse que muita gente chega jurando que tem uma pedra no rim mas na verdade deu uma torção no músculo o que provoca uma dor danada, igual à de cólica renal e que os remédios para a dor são os mesmos, aliás ele mandou continuar tomando. É bom saber, não é? ele disse que a torção mais comum é de quando a gente gira o corpo para olhar para trás dando a ré no carro.
Então, estou fazendo um monte de exames para saber o que foi mesmo e só no dia 14 saberei o veredicto.
Ele também disse que muitos de nós temos uma pedreira nos rins mas que só descobrimos isso quando uma delas se desloca se movimentando em direção ao ureter e que o ureter é muito fininho do tamanho da carga da caneta bic e passar uma pedrinha aí vai raspando e machucando, quando não para no ureter e entope a passagem. Aí a coisa pega. Mas que a maioria que tem pedra nem sabe disso e nunca vai saber, que deslocar uma delas é coisa rara.
Viu, Mario, que experiência rara você tem tido?
Tenho rezado e pedido para Deus e os meus guias me ajudarem e eles tem me dado uma ajuda de inestimavel valor, nem sei como agradecer.
Quero agradecer a vocês pela ajuda, foi bom ler o que escreveram e Mário, pode me enviar o Reiki, ainda estou precisando. Sei que a energia me alcança onde eu estiver.

Abraço vocês,

fadinha

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Sab 18 Maio 2013 - 19:59


1255 - ORAÇÃO À MÃE TERRA
(Uma Oração Essênia)

Abençoado seja o Filho da Luz que conhece sua Mãe Terra...
Pois é Ela a doadora da vida.
Sabe que a sua Mãe Terra está em ti e tu estás Nela.
Foi Ela quem te gerou e quem te deu a vida...
E te deu este corpo que um dia tu lhe devolverás.

Sabe que o sangue que corre nas tuas veias
Nasceu do sangue da tua Mãe Terra.
O sangue Dela cai das nuvens, jorra do ventre Dela,
Borbulha nos riachos das montanhas...
E flui abundantemente nos rios das planícies.

Sabe que o ar que respiras nasce da respiração da tua Mãe Terra.
O alento Dela é o azul celeste das alturas do céu...
E os sussurros das folhas da floresta.

Sabe que a dureza dos teus ossos foi criada dos ossos de tua Mãe Terra.
Sabe que a maciez da tua carne nasceu da carne de tua Mãe Terra.
A luz dos teus olhos e o alcance dos teus ouvidos...
Nasceram das cores e dos sons da tua Mãe Terra,
Que te rodeiam feito as ondas do mar cercando o peixinho.

Como o ar sustenta o pássaro,
Em verdade te digo, tu és um com tua Mãe Terra.
Ela está em ti e tu estás Nela.
Dela tu nasceste, Nela tu vives - e para Ela voltarás novamente.

Segue, portanto, as Suas leis
Pois teu alento é o alento Dela.
Teu sangue, o sangue Dela.
Teus ossos, os ossos Dela.
Tua carne, a carne Dela.
Teus olhos e teus ouvidos são Dela também.

Aquele que encontra a paz na sua Mãe Terra,
Não morrerá jamais.
Conhece esta paz na tua mente.
Deseja esta paz ao teu coração.
Realiza esta paz com o teu corpo.

- Evangelho dos Essênios -

http://www.ippb.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=11439:1255-oracao-a-mae-terra&catid=31:periodicos&Itemid=57

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Sex 14 Jun 2013 - 15:09

Olá, amigos,

Mestra Pórtia é a Alma Gêmea de Saint Germain, é a Mestra da Oportunidade, da Justiça e da Liberdade. Ela é representada pela Estátua da Liberdade que fica em Nova York, onde Ela empunha a chama da Liberdade... Chama da cor Violeta.
Amor é movimento na vida. Se é... texto canalizado por Maria Sílvia Orlovas
Texto recebido no dia dos namorados: 12/06/2013


fadinha
 
Mestra Pórtia - A transformação pode ocorrer por infinitos caminhos
 
 



A transformação pode acontecer por infinitos caminhos, mas agradeçam quando ela acontece através do amor.

Quando alguém vem até você e te ama, esse alguém está trazendo uma energia de cura pra sua vida. E a cura através do sentimento do amor, pode transformar você.

E quando você se abre ao amor de cura e começa a se apaixonar por si mesmo, e respeitar a si mesma, essa vibração chega até você através de fontes inesperadas: do seu caminhar, no raio de Sol que toca a sua face, de uma água que você bebe quando está com sede, de uma comida come quando está com fome.

[img(198.8px,104.80000000000001px)]https://blu174.mail.live.com/Handlers/ImageProxy.mvc?bicild=&canary=dntviiAudypoNAllAIc95njbd22xMK9J01q5tEc1cY4%3d0&url=http%3a%2f%2f1.bp.blogspot.com%2f-LDreZobIZtU%2fUbnQ-uOAawI%2fAAAAAAAADcQ%2f9Tp6poW0bb4%2fs200%2fum-toque-de-amor.jpg[/img]O amor de Deus está tocando você em todos os momentos.
Você vive através da Graça de Deus.
Você tem saúde, através das Bênçãos de Deus.
E quanto maior for o sentimento de amor; paciência, tolerância, resignação que o seu coração conseguir suportar, maior será a troca que vai acontecer entre você e as pessoas ao seu redor.

As pessoas podem ser portadoras do amor. Você pode ser portador do amor. Abra a sua compreensão para o amor. Abra o seu sentimento para o amor.

As pessoas acreditam que o amor vem pronto. Mas o amor; é cultivado, é trabalhado, é liberado de dentro de você. Deixe que o seu amor cure você, antes de querer que o seu amor cure alguém, ou que o amor de alguém venha para lhe curar.
[img(398.79999999999995px,264.79999999999995px)]https://blu174.mail.live.com/Handlers/ImageProxy.mvc?bicild=&canary=dntviiAudypoNAllAIc95njbd22xMK9J01q5tEc1cY4%3d0&url=http%3a%2f%2f2.bp.blogspot.com%2f-4MZo7NKApNA%2fUbnQaaQ2kvI%2fAAAAAAAADcI%2fEebw_vVn4ck%2fs400%2fLove%2byourself.jpg[/img]
Acesse o sentimento da Alma e toda vibração de amor e luz virá ao seu encontro. Você é um Ser de Luz. Você é um Ser de Amor, um Ser de profundo amor.

E tente reconhecer á sua volta as Dádivas de Deus. Porque Deus se manifesta oferecendo coisas boas a você, o tempo todo: são pessoas que vêm a sua ajuda; são situações que se apresentam para aprendizado e cura; são amigos; são possibilidades.

Ative a sua inteligência através do amor. Ative a sua percepção para reconhecer o amor. E Deus estará presente; em cada ato, em cada pessoa, em cada movimento, em cada vibração.

O Amor está onde você está. Reconheça o Amor nas situações mais adversas e ali você verá o seu aprendizado.

[img(198.8px,145.8px)]https://blu174.mail.live.com/Handlers/ImageProxy.mvc?bicild=&canary=dntviiAudypoNAllAIc95njbd22xMK9J01q5tEc1cY4%3d0&url=http%3a%2f%2f1.bp.blogspot.com%2f-R1eMMR4MAS4%2fUbnRPR6OIxI%2fAAAAAAAADcY%2fNPIHvfMEJ5E%2fs200%2fToque_de_Amor.jpg[/img]Muitas pessoas, vivem relações conturbadas e sofrem pelo amor. Quando você sofre pelo amor, você está
permitindo que algum aprendizado muito profundo chegue até você. E isso é muito bom.

Quando você permite que algo toque o seu coração, você está fazendo a sua mudança. Quando você permite ser tocado, a mudança está acontecendo em você.

Então, mesmo naquelas relações, em que houve um sofrimento, em que houve uma mágoa, em que houve uma decepção; ali, o Amor de Deus, se manifestou na sua vida. Porque trouxe a você: uma consciência, uma transformação, uma cura, um movimento.

Então, mesmo nos momentos em que o amor não deu certo, em que você avalia a sua vida: como tristeza, como mágoa ou como decepção, ali houve um movimento provocado pelo amor. E não é que o amor seja uma emoção infeliz, porque o amor não é uma emoção infeliz, o amor é um movimento.

[img(198.8px,198.8px)]https://blu174.mail.live.com/Handlers/ImageProxy.mvc?bicild=&canary=dntviiAudypoNAllAIc95njbd22xMK9J01q5tEc1cY4%3d0&url=http%3a%2f%2f1.bp.blogspot.com%2f-1woKczYVGus%2fUbnSap0iDSI%2fAAAAAAAADcw%2fbzpd2qi-4Cc%2fs200%2fcaminho.jpg[/img]
E mesmo, quando esse movimento vem carregado de incompreensão e traz alguma tristeza pra você; ele está curando. Porque você se abre. Porque você pede libertação. Porque você repensa a sua vida. Porque você repensa os seus valores. Porque você repensa a sua conduta.
Então, mesmo nos movimento mais tristes, mais dolorosos do amor; você está se transformando através do amor.

As pessoas se acham prontas, sempre prontas para amar, para se doar, para se entregar, para receber... Quando, na verdade, elas não estão. Elas ainda precisam de muitas curas.

Então, as pessoas que passam pela sua vida, elas passam para exercer uma função de cura, através do amor. E assim, vocês caminham e devem caminhar: perdoando, aprendendo, tomando novos posicionamentos... Desacelerando a ansiedade no sentido de “ser feliz para sempre”, porque a felicidade é construída dia após dia... Através da construção, também, feita através do amor.

Abençoem todas as experiências. Elas foram válidas, mesmo as amargas. Porque se foram amargas, é porque havia amargura em você.

Cada fato da sua vida teve um valor. Cada momento da sua vida foi importante.

[img(318.79999999999995px,236.8px)]https://blu174.mail.live.com/Handlers/ImageProxy.mvc?bicild=&canary=dntviiAudypoNAllAIc95njbd22xMK9J01q5tEc1cY4%3d0&url=http%3a%2f%2f3.bp.blogspot.com%2f-zGShSQ-8erw%2fUbnR6Yrn6HI%2fAAAAAAAADco%2fwSxQ7-W02BY%2fs320%2fvida.jpg[/img]

Se purifiquem na energia do Amor e observem as profundas transformações que o Amor pode fazer na sua vida.

A serviço da Chama Violeta e da Transformação Através do Amor. Eu Sou Mestra Pórtia e abençôo vocês com essa vibração de Cura e de Iluminação com o Amor.

Recebam. Recebam a energia de Cura, através do Amor.

Nesse momento, nós estamos ativando a vibração da Chama Violeta no coração de vocês. Recebam a nossa Cura, nossa presença e nosso Amor.

Tenham paz.
__________________________________________________________

Nome de Referência: A transformação pode ocorrer por infinitos caminhos
Mestra: Pórtia
Data: 12/06/2013
Local: Espaço Alpha Lux
Canal: Maria Silvia Orlovas

Áudio:  [url=http://espacoalphalux.com.br/canalizacoes/ALPHA LUX ANO 15/ALPHA LUX 19 ANO 15.mp3]ALPHA LUX 19 ANO 15[/url] 

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  lastchild em Ter 9 Jul 2013 - 20:09

Preciso pôr em dia as postagens. Então aqui vai algo positivo...

Notícia pra animar o dia:

Segundo uma pesquisa publicada na Newscientist o ato de cantar em um coral ou em um coro faz bem para o coração.

Eles pesquisaram mantras meditativos e hinos cristãos e pensam que isso pode dar pistas sobre o bem estar do coração uma vez que o batimento cardíaco adquire uma sincronia com o de outras pessoas e um passo ritmado.

Sinto falta das aulas de coral da escola. Depois de um tempo cantei um pouco na igreja mas atualmente sinto falta de uns exercícios de voz. Faz um bem usar a voz junto das emoções e tem que cantar músicas boas e leves com harmonia.



Fonte: http://www.newscientist.com/article/dn23830-singing-in-a-choir-is-good-for-the-heart.html#.UdyUmDu-r7Q

Singing in a choir is good for the heart

23:01 08 July 2013 by Paul Marks


The heart rates of people who sing in a choir quickly synchronise with one another. The discovery may offer clues to the health benefits of group singing.

Björn Vickhoff at the University of Gothenburg, Sweden, recruited 15 singers and asked them to undertake a number of joint singing tasks, from monotone humming to singing a meditative mantra or Christian hymn. Their vital signs were monitored throughout.

The team found that choral singing increased the amount by which an individual's heart rate varied. That might confer a potential health benefit because low variability in heart rate is known to be related to high blood pressure, says Vickhoff.

They also found that the singers' heart rates tended to fluctuate in synchrony when they were singing structured songs. This was linked to an effect known as respiratory sinus arrhythmia – where your heart beat varies in synchrony with breathing, which is known from research on meditation to be soothing, says Vickhoff. So choir singing, he speculates, might be achieving calming effects in a similar way to breathing exercises in yoga. "But the medical effects need investigating further," he says.

Journal reference: Frontiers in Auditory Cognitive Neuroscience, DOI: 10.3389/fpsyg.2013.00334


lastchild

Mensagens : 74
Data de inscrição : 03/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Qua 17 Jul 2013 - 11:45

Lastchild,

tb uso a música para me animar e mudar o rumo dos pensamentos, porém cantar não está entre os meus dons ...
Aqui vai um texto maravilhoso que o Wagner Borges recebeu dos Iniciados.
Amei demais. Concordo muito com isso e tb sinto que a oportunidade deve ser dada para todos sem excessão, somos todos luz, um dia a luz predominará em todos...o Todo em todos.
LUZ NO CORAÇÃO!
"Que, mesmo no meio da treva mais profunda, a semente-consciência cante para a Luz. E Ela virá, como sempre..."


fadinha

O despertar da semente-consciência

:: Wagner Borges ::

(Luz na Luz - A Grandeza das Grandezas)

Na magnitude da vida universal, com todas as grandezas incomensuráveis que existem na vastidão sideral, a grandeza das grandezas se chama "consciência".

O despertar da consciência é a maior dessas grandezas, quando o Ser encontra o próprio Ser... Quando se descobre a imensidão universal dentro dos sentimentos do próprio coração.
Quando se descobre que, mesmo à distância, é possível abraçar a todos os seres na vastidão, desaparecem as distâncias, as limitações, e só fica a consciência.

Essa consciência é representada pelo centro do coração, tanto pelos iniciados do Oriente antigo, como pelas consciências mais sábias que iniciaram os estudos espirituais neste orbe há muito tempo.

Elas localizaram o centro da consciência no centro peitoral, por reconhecerem que cada consciência encarnada em corpos densos, em meio à fieira evolutiva das reencarnações, ao mergulhar na carne para mais uma vivência, é semelhante a uma semente que é jogada nas profundezas da terra escura, úmida e fria.

A semente, adormecida em si mesma, sem noção do que é, na escuridão do seio da terra, hibernando por um tempo... Porém, por dentro, de forma espontânea, surge um chamado, uma evocação à luz do Sol. Como se parte da semente clamasse pela luz, em meio às trevas que a rodeiam.

E, de alguma maneira fenomenal, que só a magnitude da Mãe Natureza reconhece, o Sol escuta o chamado, e os seus raios se aprofundam no solo, aquecendo o que estava frio, energizando em volta e chamando a semente para o despertar. E ela, então, acorda e começa o seu trabalho.

De forma instintiva, espontânea, ela busca a luz que está acima. Segue lutando e abrindo espaço dentro do espaço limitado onde está. E vai ganhando forças e mais forças, até abrir o caminho para a superfície e, finalmente, surgir como uma planta aberta para o céu.

Na superfície, ela sente o beijo dos raios solares que um dia a despertaram no seio do chão. Por analogia, os raios solares são as consciências mais avançadas, que constantemente clamam ao homem da Terra para o despertar da consciência.

O Sol é O Absoluto, O Todo que está em tudo, e cada consciência é semelhante a essa semente em si mesma.

Que haja dentro de cada coração a consciência inicial de clamar pela Luz, mesmo em meio às trevas de si mesmo (momentâneas e circunstanciais).

Que o grito da semente-consciência possa se propagar e que os raios solares possam iluminá-la, e que ela cresça, se expanda, e alcance a superfície de si mesma. E desperte todo o seu potencial, para a glória infinita, a qual está reservada, para novos rumos no infinito...

E essa é a Grandeza das Grandezas, quando a semente começa a ir para cima. Este é o trabalho de despertar que as consciências mais avançadas superintendem e inspiram de formas admiráveis e invisíveis, que os homens não percebem.

Este é o trabalho secreto feito nos bastidores da humanidade, por consciências amáveis, generosas, limpas, sutis, serenas e maravilhosas! E que, tranquilamente, inspiram as sementes-consciências em seus desenvolvimentos.

Que, mesmo no meio da treva mais profunda, a semente-consciência cante para a Luz. E Ela virá, como sempre...

O despertar da consciência é quando a semente encontra a Luz dentro dela própria, mesmo em meio à treva exterior. E é esta luz interna que busca a Luz de cima. É este o encontro do Ser com o Ser, Luz na Luz.

É isso que lhe dá forças para superar as próximas etapas do seu crescimento, até alcançar a superfície de si mesma. Vidas e vidas se sucedem... E a semente-consciência vai crescendo e despertando para novos patamares evolutivos à frente...

Que ela possa encontrar na terra em torno de si própria o adubo necessário e os nutrientes compatíveis com seu desenvolvimento. Que o adubo seja de alegria e que os nutrientes sejam de puro amor.

Essa é a Grandeza das Grandezas, que o homem da Terra desconhece. E, ao longo de tantas e tantas experiências, cada consciência descerrará os véus que a impedem de perceber O Todo. Gradativamente, levantará esses véus e perceberá a imensidão, no devido momento do seu despertar.

O descerramento desses véus da ilusão é o motivo de todas as buscas e aprofundamentos dos estudantes espirituais ao longo de éons e éons...

Não somente na Terra, mas também em outros orbes, os iniciados de outrora, de todas as linhas, sempre buscaram esse despertar, sabendo que o processo é dentro de si mesmo, e que ninguém de fora poderá operar o que é fruto do esforço de cada um.

Eles sabiam que não há dependência externa, psicológica, emocional ou religiosa que possa operar esse despertar. O processo é interno e intransferível. Como também é intransferível o valor evolutivo agregado ao esforço de cada um.

O homem da Terra é triste, confuso e estranho para si mesmo. Isso porque desconhece a imensidão que carrega dentro do próprio coração e, mesmo em meio aos grupos de estudantes espirituais, ainda reina grande confusão.

E a Grandeza das Grandezas é mais simples do que se pode imaginar, é apenas o encontro do Ser com consigo mesmo, despertando e fluindo sentimentos melhores...

Porque, quando encontra a si mesmo, toda a dúvida desaparece, só fica a consciência do que se é, fluindo, fluindo, fluindo...

Portanto, que tudo possa fluir no tempo certo de cada um. E que cada um também possa perceber quando esse tempo é chegado, e possa despertar e fluir sem atrasar mais o chamado.
Que as grossas camadas do egoísmo e do medo não impeçam o despertar da Luz em si mesmo. E que isso possa fluir por todos os planos, para todos. A Grandeza das Grandezas é o despertar da consciência, é a maior das riquezas, é o que vale a pena no meio das ilusões sensoriais. E ninguém poderá jamais mensurar o grau evolutivo de outro.

Esse é o ensinamento que vem sendo passado há éons e éons, por todos os grandes iniciados da história. O chamado da Luz que vem de dentro se encontra com a Luz que está em tudo e se funde nela, tornando-se uma só.

E esse despertar é silencioso e sereno. E, mesmo que ainda não seja pleno, apenas uma pequena parte desse despertar já é suficiente para transformar, de maneira admirável, a semente em planta viçosa.

Não precisa alcançar a Luz total enquanto não for o tempo certo da maturidade de cada ser. Mas, dentro dos estudos espirituais, já é possível vislumbrar centelhas disso, e estas já bastam para transformar a lucidez do homem terrestre na lucidez dos seres universais, tudo isso em si mesmo.

Simples centelhas dessa luz valem mais do que todas as riquezas da Terra. Porque essa é a Grandeza das Grandezas. E só alguém que viu a centelha em si mesmo, é que poderá compreender o grande valor.

Enquanto a humanidade terrestre não perceber sequer centelhas dessa Luz em si mesma, reinará a confusão. Pois são estas fagulhas que guiam a semente-consciência em seu coração.

Que os grandes raios conscienciais possam incidir sobre os corações de todos... Aqueles raios lúcidos que vêm das Almas Livres, consciências serenas e magnânimas e, acima delas, do Sol de todos, O Todo, O Absoluto*.

- Os Iniciados** -
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges.)

- Nota de Wagner Borges: Esses escritos são a transcrição de uma mensagem psicofônica - ocorrida durante uma reunião do Grupo de Estudos e Assistência Espiritual do IPPB. Enquanto a turma de cem participantes realizava um trabalho de irradiação de energias, de mãos dadas, um dos amparadores do grupo extrafísico dos Iniciados se aproximou de mim. Então, ele projetou essas palavras por meu intermédio, para reflexão da turma. Por sorte, alguém estava gravando o lance. E, agora, essas ponderações conscienciais podem ser lidas por todos e talvez beneficiem a outros grupos e estudantes espirituais por esse mundão de Deus...
Agradeço aos amparadores espirituais*** por todo carinho e paciência. Mais do que palavras, é o amor deles que viaja por essas linhas. Mais do que apenas amparo extrafísico a um grupo de estudantes, viaja junto aquela atmosfera perene do Alto. Viaja junto o Sopro Vital do Eterno.
Felizes são aqueles que, mais do que as palavras, percebem o perfume sutil e invisível do Grande Arquiteto Do Universo em cada linha.

Paz e Luz.

- Notas do Texto:
* O TODO: expressão hermética para designar o Poder Absoluto que está em tudo. O Supremo, O Grande Arquiteto Do Universo, Deus, O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.
** Os Iniciados - grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente. Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são "iniciados" em fazer o bem, sem olhar a quem.
*** Amparador extrafísico - entidade extrafísica e positiva que ajuda o projetor nas suas experiências extracorpóreas; mentor extrafísico; mestre extrafísico; companheiro espiritual; protetor astral; auxiliar invisível; guardião astral; guia espiritual; benfeitor espiritual.



fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Dom 11 Ago 2013 - 21:27

Mestra Rowena - Na busca do amor eu encontrei espelhos



Na busca do amor eu encontrei espelhos.

As pessoas que cruzaram o meu caminho, sempre foram os meus espelhos.

Eu nasci num lar com pessoas instruídas, Pai e Mãe eram nobres. Vindo de família com muita tradição, com muito dinheiro, com muitas habilidades, com muitos talentos.

Minha mãe tocava piano muito bem. Era uma verdadeira artista.
Mas, da mesma forma que ela tocava piano, com tanta profundidade emoção, ela se emocionava... Com os filhos, com a casa, com as pessoas. E eu nunca sabia o que esperar da minha mãe. Se ela iria me acolher, ou, se ela iria passar por mim como se eu não existisse.
Era uma casa abastada em todos os sentidos, até nos sentimentos.

E foram momentos de muita dor, quando eu busquei o acolhimento. Principalmente de minha mãe. Meu pai, como cabia aos homens da época; cuidava dos negócios, cuidava de manter as suas amizades, os seus encontros políticos... Os relacionamentos.

E eu procurava nos meus irmãos a amizade, o conforto, o carinho, a segurança. O tempo todo, eu queria os
meus irmãos. E eles também me queriam. Porque todos eram solitários.
Não era apenas eu, a criança solitária ou desajustada. Uns procuravam nos outros a solução das suas questões.

Queriam impor o seu pensamento. Queriam impor a sua palavra. Queriam impor a sua vontade. Queriam dizer que sabiam mais. Queriam dizer que podiam comandar uma situação, uma brincadeira. Éramos soltos... Tínhamos pai, tínhamos mãe e éramos completamente soltos.

E quando procurávamos a minha mãe, já que sabíamos dessa debilidade dela. Afinal, tínhamos sido criados por ela, não sabíamos que iríamos encontrar uma pessoa com questões em desalinho.

Era impressionante porque todos nós, tão crianças, já sabíamos de tudo isso. Ela não era uma boa mediadora. E era isso que nós procurávamos em nossa mãe: nós procurávamos alguém que pudesse mediar as nossas questões.

E quando chegou a minha adolescência, eu olhei na minha mãe, e vi nela todos os problemas.
E nesse momento, a minha mãe se tornou uma pessoa tão feia, tão sem brilho, sem luz. Eu enchi minha mãe de críticas, de dores, de tristezas... Que eram as minhas próprias dores.

E acusei minha mãe de ter me feito assim. De ter me criado dessa maneira.  E de ter me trazido pra tantos sofrimentos.

Acusei minha mãe de não nos ter dado amor. De ter criado filhos abandonados, sem gentileza, sem afeto, sem carinho, sem cuidado.

Acusei a minha mãe de ter impedido a manifestação dos nossos talentos, porque não deu apoio. E assim foi.


E aí saí em busca, do acolhimento, do amor... Do meu pai.
Queria ser reconhecida por ele, queria ser tratada por ele. E ele era alguém ausente. Alguém que não me via.

Então foram os homens, meus namorados, aqueles que eu procurei o apoio, o carinho, o reconhecimento.

E quando eu vi... Eu estava igual a minha mãe, eu era como ela. Não apenas fisicamente, pois eu me parecia coma minha mãe e detestava ser parecida com ela. Mas, emocionalmente eu era parecida com a minha mãe, porque ela era o meu grande espelho.

E ali aconteceu uma grande tristeza dentro de mim. Porque eu não queria ser como a minha mãe. Eu não tinha admiração por ela. Eu achava que ela não resolvia bem os problemas, que ela não resolvia bem as questões e que eu também não resolvia. Então, como me parecer com alguém que era tão impuro, tão imperfeito, tão cheio de falhas... Que tristeza a minha, me parecer com a minha mãe.

E aí, eu me entreguei aos braços dos homens, esperando que suas carícias, seus beijos, suprissem as minhas necessidades... E me dissessem que eu era bonita, que eu era feliz, que eu tinha amor, que eu tinha capacidade, que eu era inteligente, que eu era brilhante, que eu era especial.

E eu não sei se eles esperavam o mesmo de mim. O fato é que se sucederam muitos relacionamentos. Alguns mais profundos. Alguns mais superficiais. E todos infelizes.

Porque eu era carente? Talvez eles também fossem.
Talvez fossem superficiais ou egoístas... Ou talvez estivesse sofrendo, não sei.

O fato é que se uniam vazios: o meu vazio, o vazio deles.

Eu não sabia nada de vida espiritual. Eu não sabia como caminhar, como vencer. E as religiões, daquela época, não aquietavam o meu coração. As regras eram fixas, eram duras.

Eu não queria me tornar uma Freira. Eu não queria ir para conventos. Eu queria ser apenas Eu. E ser feliz. O que a maioria das pessoas sempre almeja. Eu queria a felicidade. A felicidade no amor, a felicidade na minha vida, a felicidade num relacionamento que me curasse. E nada disso aconteceu.

E aí, eu me contrariei muito, pensando que Deus era duro, cruel, que não havia um Deus que acolhe, que ama ou que ensina as pessoas. Porque eu estava muito infeliz.

E aí, o meu espelho: Deus, dentro do meu espelho. Aquilo que eu olhei pra Deus. Eu refleti toda a minha mágoa, toda a minha dor, todo o meu desencanto. E aquele espelho, que eu transformei Deus, que eu coloquei Deus... Foi um espelho de dor, de mágoa, de sofrimento, de vida sem solução. Porque era assim que eu me encontrava.
Eu me sentia sem solução.

Eu já tinha vivido alguns desencantos, quando isso aconteceu.

E aí eu fui passar uma temporada numa casa de campo da minha família. E era um lugar com amplos jardins. E eu cheguei numa época, onde, esses jardins estavam sendo reformados. Muita terra sendo tirada e todos os dias aquilo me incomodava. Porque eram muitas pessoas trabalhando naqueles jardins. Claro que eu nunca tinha colocado as minhas mãos numa pá ou na terra, ou, nem tinha me detido a olhar nada isso, porque a minha vida era uma vida de nobre.

E quando eu olhava pela janela, quando eu queria caminhar pela manhã... Estava lá, aquela bagunça armada.

Pessoas por todos os lados, carrinhos de terra, jardineiros... Gente que eu achava bruta. Gente que eu achava que estava ali só pra trabalhar.

E quando uma parte desse jardim começou a ficar pronta e eu pude caminhar por ali, eu comecei a observar as coisas, as plantas, as pessoas. E havia muitas rosas, algumas tinham sido levadas de um lado pra outro, transplantadas...

E eu comecei a olhar aquelas flores e a meditar, e a sentir aquele perfume. E aos poucos eu fui fazendo perguntas. Onde seriam colocadas aquela muda, aquela outra. E fui conversando com aquelas pessoas que estavam ali trabalhando. Me esquecendo propositadamente dos meus problemas, que eram pra mim, os maiores do mundo.

E aí, eu comecei a aprender sobre o ciclo das flores, sobre os transplantes das rosas, sobre as cores, sobre os perfumes, sobre os espinhos. E aquilo foi mudando a minha atenção. Eu fui aprendendo que as coisas se cultivam. Eu fui aprendendo que eu era muito exigente.

O jardineiro, que ficou meu amigo, era um senhor. E ele me falava que a vida precisa de aceitação. Que as pessoas precisam aceitar as coisas: o tempo, a ação do tempo. Precisam aceitar a natureza das coisas.

Ele me dizia:
        — Se eu colocar este pé de rosa no Sol, totalmente no Sol, ele dará um tipo de flor. Talvez mais forte. Mais rija.  Se eu colocá-la num lugar de sombra, as pétalas nascerão fracas. O lugar bom, dela ficar é esse, ao Sol.


E ele dizia pra mim:
        — Às vezes, você precisa expor a flor a uma situação. Pra que ela descubra a sua força.

Ele não me dava lições de psicologia ou de vida porque, talvez ele nem conhecesse nada disso. Mas, ele sabia das flores.

E como eu fiz sempre, a minha vida inteira, das pessoas um espelho... Eu traduzia as palavras daquele homem tão simples, em lições pra minha vida, pras minhas coisas. E percebi que eu nunca respeitei as pessoas. Que eu queria que elas me nutrissem, me amassem, me enxergassem, me cuidassem, me amparassem, me olhassem.

Mas eu não sabia quem elas eram, do que elas precisavam, onde elas estavam. Eu queria que elas me vissem onde eu estava. E cuidassem daquilo que eu precisava que elas cuidassem.

Eu me doava muito pouco. E eu achava que eu me entregava completamente, porque eu vivia apaixonada. E eram sofrimentos em cima de sofrimentos. Decepções em cima de decepções.

As rosas me curaram. Não pela beleza, ou pelo perfume, nem pelos espinhos. Mas, por terem me dado à oportunidade de observá-las.

A Natureza, a vida é cheia de exemplos. Mas, para enxergá-los, nós precisamos abrir um pouco mais a nossa percepção e o coração.

Muitas pessoas sofrem muito, porque acham que sabem tudo. E estão espelhando em suas vidas, o sofrimento.

Se questionem. Perguntem sempre pra vocês mesmos:

Será que eu estou certo em pensar o que penso?
Será que esse pensamento em mim é real?
Será que existe outra forma de olhar essa mesma situação?

E não esperem a resposta de uma outra pessoa. Ou, de um grande insight.

Busquem na meditação, na oração. Na conexão interior, o aprofundamento... E as verdades virão.

Vocês aprenderão a respeitar o tempo das flores. A aceitar o seu próprio tempo. A desejar menos e compreender mais.

Eu aprendi que a vida não é feita de conquistas, mas, de acomodação, entendimento e expansão.

Vocês podem, assim como eu pude. E todos podem... Ir atrás dos seus objetivos, dos seus sonhos, das suas realizações. Mas, não se tornem escravos dos desejos.

Sejam felizes hoje, pelo prato de hoje. Pelos aprendizados de hoje.

E permitam que amanhã, como faz o Sol todos os dias... O dia brilhe e a claridade venha com todos os ensinamentos que lhe couber. Tudo ao seu tempo. Não sofram por antecipação.

E permitam, que um coração puro, dentro de vocês... Ofereçam á vida, um plácido espelho.


Em sintonia com a Chama Rosa. Eu sou Rowena. E venho com Amor, oferecer a vocês, aquilo que aprendi.

Recebam o meu carinho, e a minha oferta de Paz e de Cura.

Tenham Paz.


____________________________________________________________


Nome de Referência:  Na busca do amor eu encontrei espelhos

Mestra: Rowena
Data: 07/08/2013
Local: Espaço Alpha Lux
Canal: Maria Silvia Orlovas
Transcrição: Patrícia Viégas
Áudio:  ALPHA LUX 27 ANO 15

http://mariasilviaporlovas.blogspot.com.br/2013/08/mestra-rowena-na-busca-do-amor-eu.html

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  lastchild em Qua 14 Ago 2013 - 11:20

fadinha escreveu:Lastchild,

tb uso a música para me animar e mudar o rumo dos pensamentos, porém cantar não está entre os meus dons ...
Aqui vai um texto maravilhoso que o Wagner Borges recebeu dos Iniciados.
Amei demais. Concordo muito com isso e tb sinto que a oportunidade deve ser dada para todos sem excessão, somos todos luz, um dia a luz predominará em todos...o Todo em todos.
LUZ NO CORAÇÃO!
"Que, mesmo no meio da treva mais profunda, a semente-consciência cante para a Luz. E Ela virá, como sempre..."


fadinha

O despertar da semente-consciência

:: Wagner Borges ::

(Luz na Luz - A Grandeza das Grandezas)

Na magnitude da vida universal, com todas as grandezas incomensuráveis que existem na vastidão sideral, a grandeza das grandezas se chama "consciência".

O despertar da consciência é a maior dessas grandezas, quando o Ser encontra o próprio Ser... Quando se descobre a imensidão universal dentro dos sentimentos do próprio coração.
Quando se descobre que, mesmo à distância, é possível abraçar a todos os seres na vastidão, desaparecem as distâncias, as limitações, e só fica a consciência.

Essa consciência é representada pelo centro do coração, tanto pelos iniciados do Oriente antigo, como pelas consciências mais sábias que iniciaram os estudos espirituais neste orbe há muito tempo.

Elas localizaram o centro da consciência no centro peitoral, por reconhecerem que cada consciência encarnada em corpos densos, em meio à fieira evolutiva das reencarnações, ao mergulhar na carne para mais uma vivência, é semelhante a uma semente que é jogada nas profundezas da terra escura, úmida e fria.

A semente, adormecida em si mesma, sem noção do que é, na escuridão do seio da terra, hibernando por um tempo... Porém, por dentro, de forma espontânea, surge um chamado, uma evocação à luz do Sol. Como se parte da semente clamasse pela luz, em meio às trevas que a rodeiam.

E, de alguma maneira fenomenal, que só a magnitude da Mãe Natureza reconhece, o Sol escuta o chamado, e os seus raios se aprofundam no solo, aquecendo o que estava frio, energizando em volta e chamando a semente para o despertar. E ela, então, acorda e começa o seu trabalho.

De forma instintiva, espontânea, ela busca a luz que está acima. Segue lutando e abrindo espaço dentro do espaço limitado onde está. E vai ganhando forças e mais forças, até abrir o caminho para a superfície e, finalmente, surgir como uma planta aberta para o céu.

Na superfície, ela sente o beijo dos raios solares que um dia a despertaram no seio do chão. Por analogia, os raios solares são as consciências mais avançadas, que constantemente clamam ao homem da Terra para o despertar da consciência.

O Sol é O Absoluto, O Todo que está em tudo, e cada consciência é semelhante a essa semente em si mesma.

Que haja dentro de cada coração a consciência inicial de clamar pela Luz, mesmo em meio às trevas de si mesmo (momentâneas e circunstanciais).

Que o grito da semente-consciência possa se propagar e que os raios solares possam iluminá-la, e que ela cresça, se expanda, e alcance a superfície de si mesma. E desperte todo o seu potencial, para a glória infinita, a qual está reservada, para novos rumos no infinito...

E essa é a Grandeza das Grandezas, quando a semente começa a ir para cima. Este é o trabalho de despertar que as consciências mais avançadas superintendem e inspiram de formas admiráveis e invisíveis, que os homens não percebem.

Este é o trabalho secreto feito nos bastidores da humanidade, por consciências amáveis, generosas, limpas, sutis, serenas e maravilhosas! E que, tranquilamente, inspiram as sementes-consciências em seus desenvolvimentos.

Que, mesmo no meio da treva mais profunda, a semente-consciência cante para a Luz. E Ela virá, como sempre...

O despertar da consciência é quando a semente encontra a Luz dentro dela própria, mesmo em meio à treva exterior. E é esta luz interna que busca a Luz de cima. É este o encontro do Ser com o Ser, Luz na Luz.

É isso que lhe dá forças para superar as próximas etapas do seu crescimento, até alcançar a superfície de si mesma. Vidas e vidas se sucedem... E a semente-consciência vai crescendo e despertando para novos patamares evolutivos à frente...

Que ela possa encontrar na terra em torno de si própria o adubo necessário e os nutrientes compatíveis com seu desenvolvimento. Que o adubo seja de alegria e que os nutrientes sejam de puro amor.

Essa é a Grandeza das Grandezas, que o homem da Terra desconhece. E, ao longo de tantas e tantas experiências, cada consciência descerrará os véus que a impedem de perceber O Todo. Gradativamente, levantará esses véus e perceberá a imensidão, no devido momento do seu despertar.

O descerramento desses véus da ilusão é o motivo de todas as buscas e aprofundamentos dos estudantes espirituais ao longo de éons e éons...

Não somente na Terra, mas também em outros orbes, os iniciados de outrora, de todas as linhas, sempre buscaram esse despertar, sabendo que o processo é dentro de si mesmo, e que ninguém de fora poderá operar o que é fruto do esforço de cada um.

Eles sabiam que não há dependência externa, psicológica, emocional ou religiosa que possa operar esse despertar. O processo é interno e intransferível. Como também é intransferível o valor evolutivo agregado ao esforço de cada um.

O homem da Terra é triste, confuso e estranho para si mesmo. Isso porque desconhece a imensidão que carrega dentro do próprio coração e, mesmo em meio aos grupos de estudantes espirituais, ainda reina grande confusão.

E a Grandeza das Grandezas é mais simples do que se pode imaginar, é apenas o encontro do Ser com consigo mesmo, despertando e fluindo sentimentos melhores...

Porque, quando encontra a si mesmo, toda a dúvida desaparece, só fica a consciência do que se é, fluindo, fluindo, fluindo...

Portanto, que tudo possa fluir no tempo certo de cada um. E que cada um também possa perceber quando esse tempo é chegado, e possa despertar e fluir sem atrasar mais o chamado.
Que as grossas camadas do egoísmo e do medo não impeçam o despertar da Luz em si mesmo. E que isso possa fluir por todos os planos, para todos. A Grandeza das Grandezas é o despertar da consciência, é a maior das riquezas, é o que vale a pena no meio das ilusões sensoriais. E ninguém poderá jamais mensurar o grau evolutivo de outro.

Esse é o ensinamento que vem sendo passado há éons e éons, por todos os grandes iniciados da história. O chamado da Luz que vem de dentro se encontra com a Luz que está em tudo e se funde nela, tornando-se uma só.

E esse despertar é silencioso e sereno. E, mesmo que ainda não seja pleno, apenas uma pequena parte desse despertar já é suficiente para transformar, de maneira admirável, a semente em planta viçosa.

Não precisa alcançar a Luz total enquanto não for o tempo certo da maturidade de cada ser. Mas, dentro dos estudos espirituais, já é possível vislumbrar centelhas disso, e estas já bastam para transformar a lucidez do homem terrestre na lucidez dos seres universais, tudo isso em si mesmo.

Simples centelhas dessa luz valem mais do que todas as riquezas da Terra. Porque essa é a Grandeza das Grandezas. E só alguém que viu a centelha em si mesmo, é que poderá compreender o grande valor.

Enquanto a humanidade terrestre não perceber sequer centelhas dessa Luz em si mesma, reinará a confusão. Pois são estas fagulhas que guiam a semente-consciência em seu coração.

Que os grandes raios conscienciais possam incidir sobre os corações de todos... Aqueles raios lúcidos que vêm das Almas Livres, consciências serenas e magnânimas e, acima delas, do Sol de todos, O Todo, O Absoluto*.

- Os Iniciados** -
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges.)

- Nota de Wagner Borges: Esses escritos são a transcrição de uma mensagem psicofônica - ocorrida durante uma reunião do Grupo de Estudos e Assistência Espiritual do IPPB. Enquanto a turma de cem participantes realizava um trabalho de irradiação de energias, de mãos dadas, um dos amparadores do grupo extrafísico dos Iniciados se aproximou de mim. Então, ele projetou essas palavras por meu intermédio, para reflexão da turma. Por sorte, alguém estava gravando o lance. E, agora, essas ponderações conscienciais podem ser lidas por todos e talvez beneficiem a outros grupos e estudantes espirituais por esse mundão de Deus...
Agradeço aos amparadores espirituais*** por todo carinho e paciência. Mais do que palavras, é o amor deles que viaja por essas linhas. Mais do que apenas amparo extrafísico a um grupo de estudantes, viaja junto aquela atmosfera perene do Alto. Viaja junto o Sopro Vital do Eterno.
Felizes são aqueles que, mais do que as palavras, percebem o perfume sutil e invisível do Grande Arquiteto Do Universo em cada linha.

Paz e Luz.

- Notas do Texto:
* O TODO: expressão hermética para designar o Poder Absoluto que está em tudo. O Supremo, O Grande Arquiteto Do Universo, Deus, O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.
** Os Iniciados - grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente. Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são "iniciados" em fazer o bem, sem olhar a quem.
*** Amparador extrafísico - entidade extrafísica e positiva que ajuda o projetor nas suas experiências extracorpóreas; mentor extrafísico; mestre extrafísico; companheiro espiritual; protetor astral; auxiliar invisível; guardião astral; guia espiritual; benfeitor espiritual.


Eu também passo por isso.

Laughing Como minha voz também não é lá essas coisas acaba que o uso prático é individual. Tipo assim... Procuro cantar quando não tem ninguém, baixinho, usando apenas a melodia da música (sem letra) e aproveitando o efeito que ela dá ao acalmar. Assim aproveito a vibração e o som da voz pra ajudar o ritmo do coração.

lastchild

Mensagens : 74
Data de inscrição : 03/10/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Qua 14 Ago 2013 - 23:27

Olá, Lastchild.

tudo bom? realmente a música, se a gente tem voz bonita ou não, pouco importa é um dos meios de você alcançar outras esferas de consciência.
Vou contar uma história ... clássica... aconteceu pouco antes de ficar grávida da minha filha e ela está com 24 anos, então faz um bom tempo. Eu li em uma revista planeta a história de um pintor chamado João Pio de Almeida Prado que tinha contato com extraterrestres e vi os desenhos de seres maravilhosos que o contatavam, um dos quais ele chamava de Mestre. Essa história me chamou muito a atenção porque fui criada por uma tia, irmã do meu pai, casada com um homem que obviamente não era meu parente e que era primo de uma mulher que se casou com um Almeida Prado, exatamente o médico famoso e essa prima do meu tio eu conhecia e frequentava as festas na casa dela e da família. Era o segundo casamento dele e o primeiro dela, os dois mais velhos. Ele era de Jaú. As histórias que li se passavam em uma fazenda lá em Jaú. Então, fiquei muito interessada no que eu li porque eu meio que conhecia essa família. No final da reportagem ele dizia que quem quisesse ser um canal dos Mestres Extraterrestres escrevesse para ele (naquele tempo não tinha e-mail, pasmem) e, se os Mestres percebessem que era um bom canal, eles entraria em contato de alguma forma, principalmente através da música. Claro que escrevi. Logo depois tive que mudar de casa e depois de bairro e não recebi resposta e também meus interesses mudaram de direção.
Em 2004, recebi a música diretamente dentro da minha cabeça.
Porém é uma história que eu não sei se posso contar, então...
Mas essa história teve desdobramento porque juntamente com a reportagem vinha em outra página da revista o próprio Almeida Prado, vestido de branco, ao lado de um médium do Templo Guaracy em São Paulo, Carlos Buby. Eu pensava: o que? um Almeida Prado em um templo de Umbanda?
Nunca me esqueci disso, dessa foto, do nome do médium e nem do nome do Templo.
No mês de junho ou julho desse ano, liguei o radio do Uol e lá estava uma homenagem a um maestro da orquestra sinfônica da Unicamp, Maestro Almeida Prado, já falecido, com a Sinfonia dos Orixás... lembrei de toda a história. Sinal de que esse também era da Umbanda.
Aí procurei o Templo Guaracy do Brasil (existem alguns no exterior)e encontrei e vi que tem um aqui na minha cidade. Não tive dúvidas em querer conhecer. Fica localizado perto da PUCC e lá fui eu no próximo dia de atendimento em julho.
A gente sabe que coincidências não existem.
O médium Carlos Buby dirige o Templo em São Paulo, porém nesse dia que eu fui ele estava lá, abrindo os trabalhos e com uma energia... forte, boa.
Porém não é hábito dele estar presente nos trabalhos na minha cidade, ao contrário, disseram que era meio raro.
Será que essa história vai ter uma continuação?
A música também pode, assim como o canto dos pássaros, atingir outras dimensões, outras consciências.
Um abraço,
fadinha


fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  fadinha em Sex 23 Ago 2013 - 13:45

Olá amigos,

vou postar aqui um ótimo texto do Osho sobre o Amor, do tipo que exige uma reflexão mais profunda.

fadinha


NÃO É FÁCIL, NEM DIFÍCIL, SÓ NATURAL - por Osho

O amor é um estado natural da consciência. Não e nem fácil nem difícil, essas palavras de forma nenhuma se aplicam a ele. Ele não é um esforço; por isso não pode ser fácil nem pode ser difícil. É como respirar! É como as batidas do coração, é como o sangue circulando no nosso corpo.

O amor é o nosso próprio ser... Mas esse amor ficou quase impossível. A sociedade não o permite. A sociedade condiciona você de tal forma que o amor fica impossível e o ódio passa a ser a única coisa possível. Então o ódio é fácil, e o amor não só é difícil como impossível. O homem tem sido deturpado. Ele não pode ser reduzido à escravidão se não for primeiro deturpado. Os políticos e os padres têm participado de uma profunda conspiração ao longo das eras. Eles têm reduzido a humanidade a uma multidão de escravos. Estão destruindo qualquer possibilidade de rebelião no homem - e o amor é uma rebelião, porque o amor ouve só o coração e não dá a mínima para o resto.

O amor é perigoso porque ele faz de você um indivíduo. O Estado e a Igreja... Eles não querem indivíduos, de jeito nenhum. Não querem seres humanos, querem ovelhas. Querem pessoas que só pareçam seres humanos, mas cuja alma tenha sido esmagada de tal maneira, tenha sido danificada a tal ponto, que o estrago pareça quase irremediável.

E a melhor maneira de destruir o homem é destruir sua espontaneidade de amar. Se o homem tiver amor, não poderá haver nações; as nações existem no ódio. Os indianos odeiam os paquistaneses e os paquistaneses odeiam os indianos - só assim esses dois países podem existir. Se o amor surgir, as fronteiras vão desaparecer. Se o amor surgir, então quem vai ser cristão e quem vai ser judeu?

Se o amor surgir, as religiões desaparecerão.

Se o amor surgir, quem irá ao templo? Para quê? É porque está faltando amor que você sai em busca de Deus. Deus não é nada mais do que um substituto para o amor que está faltando. Como você não é bem-aventurado, não está em paz, não está em êxtase, você está em busca de Deus. Se a sua vida é uma dança, Deus já está no seu coração. O coração amoroso está cheio de Deus. Não há necessidade de mais nenhuma busca, não há necessidade de mais nenhuma prece, não há necessidade de ir a templo nenhum, de procurar padre nenhum.

Por isso o padre e o político, esses dois, são inimigos da humanidade. Eles estão conspirando, pois o político quer governar seu corpo e o padre quer governar sua alma. E o segredo é o mesmo: destruir o amor. Então o homem passa a ser nada além de uma vacuidade, de um vazio, uma existência sem sentido. Então você pode fazer o que quiser com a humanidade e ninguém se rebelará, ninguém terá coragem suficiente para se rebelar.

O amor dá coragem, o amor leva todo o medo embora - e os opressores dependem do seu medo. Eles criam medo em você, mil e um tipos de medo. Você fica cercado de medos, toda a sua psicologia é cheia de medos. Lá no fundo você está tremendo. Só na superfície você mantém uma certa fachada; mas, dentro de você, existem camadas e camadas de medo.

Um homem cheio de medo só pode odiar - o ódio é uma conseqüência natural do medo. Um homem cheio de medo é também cheio de raiva, e um homem cheio de medo é mais contra a vida do que a favor dela. A morte parece um estado repousante para ele. O homem temeroso é suicida, tem uma visão negativa da vida. A vida lhe parece perigosa, pois viver significa que você terá de amar - como você poderá viver? Exatamente como o corpo precisa respirar para viver, a alma precisa de amor para viver. E o amor está definitivamente envenenado.

Envenenando a sua energia de amor, eles criaram uma cisão em você; criaram um inimigo dentro de você, dividiram-no em dois. Eles criaram uma guerra civil, e você está sempre em conflito. E, no conflito, sua energia é dissipada; por isso sua vida não tem sabor, alegria. Não transborda de energia; ela é sem graça, insípida, falta-lhe inteligência.

O amor aguça a inteligência, o medo a embota. Quem quer que você seja inteligente? Não aqueles que estão no poder. Como eles podem querer que você seja inteligente? - porque, se for inteligente, você começará a ver toda a estratégia, os jogos que eles fazem. Eles querem que você seja burro e medíocre. Certamente querem que você seja eficiente no que diz respeito ao trabalho, mas não inteligente; por isso a humanidade vive o seu potencial mínimo.

Os cientistas dizem que o homem comum usa, ao longo de toda vida, só 5% da inteligência. O homem comum, só 5% - e o homem fora do comum? E um Albert Einstein, um Mozart, um Beethoven? Os pesquisadores dizem que mesmo as pessoas muito talentosas não usam mais do que 10%. E aqueles que chamamos de gênios usam só 15%. Pense num mundo em que todos usassem 100% do seu potencial... Então os deuses ficariam enciumados, eles gostariam de nascer na Terra. Então a Terra seria um paraíso, um superparaíso. Do jeito que está agora, ela é um inferno.

Se o homem fosse deixado em paz, em vez de ser envenenado, o amor seria uma coisa simples, muito simples. Não haveria problema nenhum. Seria como a água seguindo a correnteza ou o vapor subindo, as árvores florescendo, os pássaros cantando. Ele seria tão natural e tão espontâneo!

Mas não deixam o homem em paz. Quando a criança nasce, os opressores já estão prontos para cair em cima dela, para dizimar suas energias, distorcê-las a tal ponto, tão profundamente, que a pessoa nunca terá consciência de que está vivendo uma vida falsa, uma pseudovida, de que não esta vivendo a vida como ela deveria ser vivida, como ela nasceu para viver; não saberá que ela está vivendo algo sintético, plástico, que não é sua verdadeira alma. É por isso que milhões de pessoas estão sofrendo do jeito que estão - elas sentem que estão sendo iludidas, que não são elas mesmas, que algo não está muito certo...

O amor é simples se deixarmos que a criança cresça, se a ajudarmos nesse crescimento de uma forma natural. Se a ajudarmos a ficar em harmonia com a natureza e com ela mesma, se a apoiarmos, cuidarmos dela e a estimularmos, em todos os sentidos, a ser ela mesma, uma luz para si mesma, então o amor será simples. Ela será simplesmente amorosa! O ódio será quase impossível porque, antes que você possa ter ódio de alguém, é necessário primeiro que crie o veneno dentro de si mesmo.

Você só pode dar uma coisa a alguém se você a tiver. Só pode odiar se estiver cheio de ódio. E estar cheio de ódio é estar queimando por dentro. Estar cheio de ódio significa que, antes de mais nada, você está machucando a si mesmo. Antes de poder ferir outra pessoa, você tem que ferir a si próprio. O outro pode não ser ferido, isso dependerá dele. Mas uma coisa é absolutamente certa: antes de poder odiar, você tem que ter sofrido muito. A outra pessoa pode não aceitar ser odiada, ela pode rejeitar seu ódio. Ela pode ser um Buda - pode simplesmente rir do seu ódio. Pode perdoar você, pode não ter reação nenhuma. Talvez você não seja capaz de odiá-la, caso ela não esteja pronta para esboçar qualquer reação. Se você não consegue deixá-la perturbada, o que pode fazer ? Sente-se impotente diante dela.

Portanto, a outra pessoa não vai necessariamente se sentir ferida. Embora uma coisa seja absolutamente certa: se você odeia alguém, primeiro tem de ferir sua própria alma de tantas maneiras, tem que estar tão cheio de veneno que consegue atingir os outros com esse veneno.

O ódio não é natural. O amor é um estado saudável; o ódio é um estado doentio. Assim como a doença não é natural. O ódio acontece só quando você se desvia da natureza, quando já não está em harmonia com a existência, já não está em harmonia com seu próprio ser, com sua essência mais profunda. Então você está doente - psicológica e espiritualmente. O ódio é só um símbolo da doença, e o amor, da saúde, da plenitude e da santidade.

O amor devia ser uma das coisas mais naturais deste mundo, mas não é. Pelo contrário, ele se tornou a coisa mais difícil - quase impossível. Odiar ficou mais fácil; você é treinado, é preparado para odiar. Ser hindu é morrer de ódio dos muçulmanos, dos cristãos, dos judeus; ser cristão é morrer de ódio das outras religiões. Ser nacionalista é morrer de ódio das outras nações. Você só conhece um jeito de amar, que é odiar os outros. Você só consegue mostrar o amor que sente pelo seu país odiando os outros países e só consegue mostrar o amor que sente pela igreja odiando as outras igrejas. Sua vida está uma bagunça.

As assim chamadas religiões continuam a falar de amor e tudo o que elas fazem neste mundo é criar mais e mais ódio. Os cristãos falam de amor e têm criado guerras, cruzadas. Os muçulmanos falam de amor e têm criado jihads, guerras religiosas. Os hindus falam de amor, mas você pode ler nas escrituras desse povo - eles estão cheios de ódio, ódio pelas outras religiões. E nós aceitamos toda essa bobagem! Aceitamos sem demonstrar nenhuma resistência, porque fomos condicionados a aceitar essas coisas, fomos ensinados que as coisas são assim mesmo. E então você continua a negar sua própria natureza.

O amor tem sido envenenado, mas não destruído. O veneno pode ser neutralizado, pode ser retirado do seu organismo - você pode ser purificado. Pode vomitar tudo o que a sociedade o forçou a engolir. Pode jogar fora todas as suas crenças e todos os seus condicionamentos - pode se libertar. A sociedade não pode fazer de você um escravo para sempre, caso decida ser livre. Chegou a hora de jogar fora todos os padrões obsoletos e começar uma vida nova, uma vida natural, não repressora, uma vida não de renúncia, mas de alegria. Odiar ficará a cada dia mais impossível. O ódio é o pólo oposto do amor, assim como a doença é o pólo oposto da saúde. Mas você não precisa optar pela doença.

A doença oferece umas poucas vantagens que a saúde não pode oferecer; não se apegue a essas vantagens. O ódio também tem umas poucas vantagens que o amor não tem. E você tem que ser muito observador. A pessoa doente ganha a simpatia de todos; ninguém a fere, todo mundo toma cuidado com o que lhe diz, afinal ela é tão doente! Ela é o centro das atenções, o centro de todo o mundo - da família, dos amigos - passa a ser a pessoa de quem todos falam, uma pessoa importante. Agora, se ela se apegar muito a essa importância, ao fato de seu ego estar satisfeito, ela nunca mais vai querer ser uma pessoa saudável. Ela se agarrará à doença. E os psicólogos dizem que existem muitas pessoas apegadas à doença por causa das vantagens que ela oferece. E essas pessoas investiram tanto tempo nessa doença que se esqueceram completamente de que estão apegadas a ela. Tem medo de que, se ficarem saudáveis, não terão mais ninguém.

Você ensina isso também. Quando uma criancinha fica doente, toda a família se volta para ela. Isso é absolutamente não-científico. Quando a criança estiver doente, cuide do corpo dela, mas não lhe dê atenção demais. É perigoso, porque ela associa a doença à atenção que você lhe dá... O que fatalmente acontece, se isso se repetir muito. Sempre que a criança fica doente, ela passa a ser o centro das atenções de toda a família: o papai vem, senta-se ao lado dela e pergunta como está se sentindo, o médico é chamado, os vizinhos começam a aparecer, os amigos perguntam e as pessoas trazem presentinhos...

Ela pode ficar apegada demais a isso; essa atenção toda pode agradar de tal modo o seu ego que a criança pode não querer ficar boa de novo. E, se isso acontecer, então será impossível ficar saudável. Nenhum remédio a curará. A pessoa se compromete com a doença. E isso é o que acontece com muitas pessoas, com a maioria. Quando você odeia, seu ego fica satisfeito. O ego só pode existir se você odiar, pois quando odeia você se sente superior, sente-se separado, define-se. Quando odeia, você consegue urna certa identidade. No amor, o ego tem de desaparecer. No amor, você não fica mais separado - o amor o ajuda a se fundir com as outras pessoas. Trata-se de um encontro e de uma fusão.

Se você é muito apegado ao ego, odiar é fácil e amar é muito difícil. Fique alerta, atento: o ódio é a sombra do ego. Para amar é preciso grande coragem. É preciso grande coragem porque requer o sacrifício do ego. Só aqueles que estão prontos para se descorporificar são capazes de amar. Só aqueles que estão prontos para transformar-se em nada, para esvaziar-se completamente de si mesmos, são capazes de receber, do além, o dom de amar.

- OSHO -

fadinha

Mensagens : 793
Data de inscrição : 03/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: COMO AUMENTAR O AMOR NO CORAÇÃO

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum